ÚLTIMASFeira Hippie, clubes e bares com música ao vivo poderão voltar a funcionar em Belo Horizonte saiba mais
Últimas de Variedade

Especialistas trazem dicas para pais de primeira viagem

Pixabay.com

Pixabay.com

O nascimento de um filho é o momento mais aguardado na vida de muitas pessoas. Além de todo êxtase e ansiedade que envolvem a gestação e o nascimento de uma criança, os pais de primeira viagem têm apenas nove meses para assimilar muitas informações e se adaptarem a uma nova rotina. 

Já quando o bebê nasce, além de toda atenção que ele necessita, a família deve lidar a cada dia com uma novidade e não há espaço para medo insegurança. Para te ajudar nessa, reunimos dicas de especialistas para pais de primeira viagem. Confira! 

Antes do nascimento! 

É necessário que a mãe faça pelo menos seis consultas pré-natal com o obstetra. Já depois da 37ª semana de gestação, as consultas devem ser quinzenais. Durante a gestação, a mãe faz uma bateria de exames  para garantir a saúde dela e do bebê. 

Amamentação 

O bebê deve ser alimentado exclusivamente com leite materno nos primeiros seis meses de vida. Ele é rico em nutrientes e anticorpos que ajudarão no desenvolvimento da criança. O ideal é que a criança nunca passe mais de três horas sem ser alimentada. 

Até o sexto mês de vida, o ideal é que a criança seja alimentada exclusivamente com o leite materno, lembrando que a amamentação cruzada não é permitida, ou seja, cada mãe deve alimentar só o seu bebê” destaca Priscila de Mattos Sillero, pediatra e coordenadora do CTI Pediátrico do Prontobaby, em entrevista sobre o tema ao portal Extra. 

Choro do neném 

Não vale se desesperar. O choro é a primeira forma do bebê se comunicar. É a forma dele avisar que está com fome, sono, frio, dor, cansado, com calor, etc. Ao checar que ele está alimentado, busque entender que o choro é natural e com o tempo ficará cada vez mais fácil de identificar a mensagem da criança. 

Além disso, a partir da segunda semana é bem comum o bebê sentir cólica e começar a chorar e mexer com as perninhas. Colocar ele de bruços sobre a barriga do pai ou da mãe é uma boa tática para aliviar a dor. Já os medicamentos só devem ser utilizados com orientação de um pediatra. 

Visita ao médico 

No primeiro ano de vida, o neném deve visitar o médico pediatra uma vez ao mês. Ele é o único que pode avaliar a garantir que a criança está tendo um desenvolvimento saudável. 

A partir dos dois anos a visita é trimestral. Vale salientar que é muito importante não perder o prazo de nenhuma vacinação e de visitar outros especialistas. Em casa, ter um termômetro para medir a temperatura, ou possuir um nebulizador caso a criança apresente algum problema respiratório também é importante.   

Cada relação é única 

Principalmente quando a criança é recém-nascida, é normal o número de visitas aumentarem. É preciso impor limites. 

Valorize o tempo com o seu filho pois a conexão entre vocês ficará cada vez mais intensa e evite comparações com outros pais e crianças. Cada pessoa é única e a relação de amor entre vocês também será! 

7823 Publicações

Sobre
A Por Dentro de Minas é um portal que traz as principais notícias do Estado de Minas Gerais.
Artigos
Relacionados
Últimas de Variedade

As melhores clínicas de recuperação para dependentes químicos em São Paulo, Minas Gerais e aí redor de todo o Brasil

Como saber onde realizar uma internação para dependente químico ou alcoólatra ? Como saber se a clínica de recuperação / reabilitação é…
Últimas de Variedade

“Crie o Impossível” engaja mais de 30 mil estudantes de todo o país em evento online

O evento, realizado na tarde de ontem (30/07), levou inspiração e abriu oportunidades para jovens da rede pública de todo o país
Últimas de Variedade

Novos hobbies tecnológicos conquistam entusiastas brasileiros

Ter um hobby é uma das melhores formas de aproveitar o tempo livre e o número de opções disponíveis para os brasileiros…

Deixe uma resposta