Prefeitura de Ouro Preto é alvo de operação do MP em busca de desmontar fraudes em contratos



O Ministério Público de Minas Gerais cumpriu mandados de busca e apreensão, durante a Operação Minerva, na  Prefeitura de Ouro Preto e na sede de três empresas de construção civil localizadas na cidade.

O objetivo da operação é investigar os crimes de licitação e e desvio de recursos públicos na execução de contratos de engenharia.

Foram apreendidos pelo MPMG 41 volumes de documentos, onde são investigadas atas de registros de preços de mais de R$ 46 milhões.

O Por Dentro de Minas não conseguiu contato com a Prefeitura de Ouro Preto, uma nota deve ser divulgada ainda nesta terça-feira (6).

Comentários
Total
0
Shares

Relacionados
Total
0
Share