Polícia Civil desmonta esquema de fraudes de R$ 3 mi, em Contagem



A Polícia Civil apreendeu uma quadrilha que tava golpes contra fornecedores de equipamentos de segurança, o prejuízo é de cerca de R$3 milhões.

O golpe era aplicado a empresas de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul, e a operação aconteceu na quinta-feira (9), mais só foi divulgado nesta segunda (13) e duas pessoas foram presas suspeitas de participar da organização do crime.

Foi presos a supervisora financeira, Kênia Giraldi, de 35 anos, foi conduzida ao Ceresp I, no bairro Gameleira, Região Oeste de BH. Já Dilson Veneziano Filho, de 52, que atuava como representante comercial, está preso em Bicas I, em São Joaquim de Bicas, na Região Central de Minas.

A distribuidora, revendia os produtos a preços abaixo de mercado, mais não repassava para os fornecedores.

Total
0
Shares

Relacionados
Total
0
Share