Redes Sociais

Últimas Notícias

Mega Space se prepara para receber o maior festival de samba e pagode do país

O Samba Prime acontece no dia 25 de maio, com shows de Ferrugem, Dilsinho, Sorriso Maroto, Suel, Belo,
Turma do Pagode, Thiaguinho, Péricles, Mumuzinho, Parangolé e várias participações especiais

Minas Gerais pode se orgulhar por sediar o maior festival de samba e pagode do Brasil. O Samba Prime, que chega em sua 8ª edição com grande sucesso, terá megaestrutura a grandes da música no dia 25 de maio, sábado, a partir das 14h no Mega Space (Avenida das Indústrias, 3000, Santa Luzia – MG). Na grade de shows, os ícones Ferrugem, Dilsinho, Sorriso Maroto, Suel, Belo, Turma do Pagode, Thiaguinho, Péricles, Mumuzinho, Parangolé, além de várias participações especiais

É o maior Samba Prime da história, conforme pontua o organizador da festa, Philippe Xavier. “A montagem foi iniciada no dia 13 de maio e o evento será realizado dentro de uma área de 50 mil metros quadrados, tendo 1500 mil metros lineares de bares e projeção de consumo de 100 mil litros de cerveja. Para isso, cerca de 3 mil profissionais estão trabalhando arduamente para fazer tudo acontecer”, explica o organizador.
Com a realização do evento no Mega Space e a ampliação da grade de artistas, o festival passa a contar com 15 horas ininterruptas de música com os maiores nomes do samba e do pagode nacional. O palco com 70 metros de comprimento e mais de 15 de altura não deixará o público um minuto sem música. Enquanto uma banda toca, será realizada a troca de equipamentos simultaneamente em outro palco, o que possibilitará realizar o evento sem intervalo entre os shows. “O nosso objetivo é oferecer uma experiência incrível aos nossos clientes e isso inclui pensar desde a troca de palco até nos acessos para o evento. Tudo está sendo planejado metodicamente pela nossa equipe de produção e, com certeza, será o maior e melhor Samba Prime da história”, afirma Philippe Xavier, organizador da festa.

Quem já comprou o ingresso não precisa realizar a troca. “Os ingressos comprados, mesmo escrito Mineirão, serão validados normalmente na porta. E aos que optaram pelos setores open bar, temos uma excelente notícia: mais cinco horas de bebida liberada para aproveitar e curtir. Mas reforçamos para que as pessoas bebam com moderação e, claro, se forem de carro, para não beber”, completa Philippe Xavier.

Para quem for de carro, o Mega Space possui amplo estacionamento, ao valor promocional de R$ 30, com seguranças monitorando os veículos durante todo o evento. Aos que forem de ônibus, haverá cinco pontos de embarque com passagens a R$ 8. O público poderá escolher entre o Minas Shopping, Shopping Estação BH, Mineirão, Praça da Estação e Praça da Savassi. A passagem será vendida antecipadamente pelo site www.centraldoseventos.com.br/ônibus.

Além da facilidade dos ônibus exclusivos que farão o transporte para o Mega Space, o Samba Prime firmou uma parceria com um aplicativo de transporte, que vai oferecer 20% de desconto. O local do evento conta também opções para chegar por meio do transporte público com embarque na Estação do Metrô São Gabriel: 4105, 4155, 4115, 4175, 4145, 4185 e 5582.

Setores à disposição

O Samba Prime oferece ao público a possibilidade de escolher entre três setores. O Samba, que tem bebidas vendidas à parte, o Prime, com open bar de cerveja Brahma, vodka, energético, sucos, refrigerante e água, além de bares e banheiros exclusivos, e o Golden, com open bar de espumante, energético, vodka, cerveja Brahma, catuaba, citrus, refrigerante e água, além de de área reservada em frente ao palco e acesso ao Espaço Prime. Os ingressos estão disponíveis no site www.centraldoseventos.com.br ou nas lojas da Central dos Eventos.

Serviço

Samba Prime 2019
Atrações: Ferrugem, Dilsinho, Sorriso Maroto, Suel, Belo, Turma do Pagode, Thiaguinho, Péricles, Mumuzinho, Parangolé e várias participações especiais
Novo local: Mega Space (Avenida das Indústrias, 3000, Santa Luzia – MG)
Data: 25 de maio, sábado, a partir das 14h
Ingressos (4º lote):
Espaço Samba: R$ 75 (bebidas vendidas a parte)
Espaço Prime: R$ 150 (open bar de cerveja, vodka, energético, sucos, refrigerante e água, além de bares e banheiros exclusivos)
Espaço Golden: R$ 240 (open bar de espumante, energético, vodka, cerveja, catuaba, citrus, refrigerante e água, além de de área reservada em frente ao palco e acesso ao Espaço Prime)
Vendas: Central dos Eventos – www.centraldoseventos.com.br
Classificação etária:
Espaço Samba: 16 anos
Espaço Prime e Golden: 18 anos

Continua lendo
Publicidade
Comentar

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Últimas Notícias

Polícia realiza operação contra mineradora em quatro cidades do estado

Foram cumpridos três mandados de prisão temporária e cinco mandados de busca e apreensão

Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou, na manhã desta quinta-feira (23) a Operação Curupira. Foram cumpridos três mandados de prisão temporária e cinco mandados de busca e apreensão nas cidades de Belo Horizonte, Barões de Cocais, Santa Barbara e, principalmente, em Mariana, todas em Minas Gerais.

A Operação recebeu o nome de “Curupira” por ser do folclore brasileiro a figura encarregada de proteger o meio ambiente de malfeitores, no caso em questão, contra a extração e beneficiamento ilegal de minério de ferro.

O Chefe do Departamento Estadual de Investigação de Crimes contra o Meio Ambiente (Dema), Delegado Bruno Tasca, explicou sobre as prisões. “As prisões temporárias foram cumpridas em desfavor dos sócios da mineradora Transthomasi e do gestor ambiental da empresa, este último já foi, inclusive, secretário de meio ambiente da cidade de Barão de Cocais. Foram apurados crimes de extração e beneficiamento ilegal de minério de ferro, falsidade ideológica em documento ambiental, intervenção em área de preservação permanente, além do crime de associação criminosa. Todos os bens da empresa foram bloqueados judicialmente”.

De acordo com o Delegado responsável pelo inquérito, Luiz Otávio Paulon, os trabalhos irão continuar para apuração de todos os fatos. “Tivemos um grande sucesso com a operação de hoje. Conseguimos concretizar as prisões dos três alvos das investigações e os nossos trabalhos irão continuar para averiguação de outros envolvidos. Não podemos permitir esse tipo de conduta, em que o dinheiro é almejado a qualquer custo, prejudicando a sociedade e principalmente distribuindo e causando malefícios irreversíveis para a natureza. Por isso da importância da colaboração também da comunidade em realizar as denúncias. Iremos apurar e investigar todas, doe a quem doer”, ressaltou.

Continua lendo

Últimas Notícias

Previsão do tempo para Minas Gerais, nesta sexta-feira, 24 de maio

Nebulosidade tende a aumentar e pode ocorrer chuva isolada, especialmente, no Noroeste do estado

• atualizado em 24/05/2019 às 10:48

Nesta sexta-feira (24/5), a instabilidade aumenta sobre parte da Região Sudeste do Brasil. Assim, a nebulosidade tende a aumentar e pode ocorrer chuva isolada, especialmente, no Noroeste do estado na divisa com o estado de Goiás. Nos próximos dias, a tendência é de declínio de temperatura, especialmente no Oeste e Sul mineiro, por causa da incursão do ar mais frio vindo do sul do Brasil.

Continua lendo

Últimas Notícias

PF apura fraude em obras de engenharia e desvio de verbas federais na Prefeitura de Barbacena

Operação Desvia que investiga a prática dos crimes de fraude em licitação, de corrupção e de desvio de recursos públicos federais na contratação de diversas obras públicas na cidade

A Polícia Federal deflagrou, nesta quinta-feira, 23/5, a segunda fase da Operação Desvia que investiga a prática dos crimes de fraude em licitação, de corrupção e de desvio de recursos públicos federais na contratação de diversas obras públicas no município de Barbacena, durante a gestão 2013-2016.

Estão sendo cumpridos 30 mandados de busca e apreensão expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região e pela 1ª Vara Federal de São João Del Rei, nos municípios mineiros de Barbacena, Juiz de Fora, Belo Horizonte, São João Del Rei, Piedade do Rio Grande e Carandaí. Estão participando da deflagração da Operação 130 policiais federais, além de 18 auditores da Controladoria Geral da União e 14 auditores da Receita Federal do Brasil.

Enquanto a ação policial do dia 21/5 focou no desvio de recursos públicos em um contrato para aquisição de equipamentos hospitalares para o Hospital Geral de Barbacena, as ações de hoje miram a ocorrência de fraudes à licitação e de desvios de recursos públicos em obras destinadas: à ampliação do sistema de esgoto sanitário; à construção de academias da saúde e à construção de quadras poliesportivas.

Em todos os casos em investigação, apesar de os recursos federais terem sido liberados pela União e estarem disponíveis ao município, as obras permanecem inacabadas ou abandonadas.

A primeira diz respeito ao convênio firmado com o Ministério das Cidades para a ampliação do sistema de esgoto sanitário que previa a instalação de redes coletoras e de interceptores, bem como a construção das Estações de Tratamento de Esgoto “Galego” e “Retiro das Rosas”.

A segunda se refere ao Programa “Academia da Saúde”, no qual, embora o Ministério da Saúde tenha repassado à Prefeitura recursos para a construção de academias da saúde nos bairros João Paulo II, Funcionários, Santa Efigênia, Pinheiro Grosso, Santa Luzia, Grogotó, São Francisco, Correia de Almeida, Colônia Rodrigo Silva, Nove de Março, Nossa Senhora do Carmo, Santo Antônio e Monte Mário, os empreendimentos seguem inacabados.

A terceira abarca o convênio firmado com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE, que consiste na construção/reforma de quatro quadras poliesportivas nas escolas municipais Monsenhor Lopes, José Felipe Sad, Osvaldo Fortini e Coronel Camilo Gomes de Araújo, as quais estão inacabadas e duas delas paralisadas há mais de um ano.
Uma vez condenados, os investigados estarão sujeitos à pena máxima de 28 anos de reclusão.

Continua lendo