Redes Sociais

Últimas Notícias

Homem com drogas no estômago é preso no Aeroporto de Confins

Homem tentava embarcar para Lisboa quando foi preso em flagrante

Foto: Divulgação-Polícia Federal

A Polícia Federal (PF) informou que um jovem de 20 anos foi preso em flagrante suspeito de ingerir cápsulas com cocaína e tentar embarcar no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins.

Segundo a PF, o homem foi preso neste domingo (5), ao tentar embarcava no terminal com destino a Lisboa, em Portugal. Ele contou que ingeriu 100 cápsulas com substância que ele acreditava ser cocaína.

A corporação disse também que descobriu a posse da droga durante fiscalização sobre o tráfico internacional de drogas. O homem que é natural de Barcarena, no Pará, foi levado para um hospital, para que as cápsulas fossem retiradas.

Após receber alta do hospital, o homem será encaminhado para a Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem.

Continua lendo
Publicidade
Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

Pedidos de inclusão e desenquadramento do Simples Nacional poderão ser solicitados

Quem perder o prazo só poderá aderir ao regime de tributação simplificado em 2020

Mais de 12 mil pequenos negócios brasileiros optaram pelo regime de tributação simplificado, o Simples Nacional. Até o final de 2018, Minas Gerais era o segundo estado em número de adesões 1,4 milhões de empreendimentos, atrás apenas de São Paulo com 3,5 milhões de optantes (Fonte: Receita Federal).

Como acontece anualmente, os pequenos negócios que faturam até R$ 4,8 milhões por ano têm até o dia 31 de janeiro para aderir ou fazer o desenquadramento no Simples Nacional. As solicitações são gratuitas e podem ser feitas pelo Portal do Simples Nacional:  www8.receita.fazenda.gov.br/SimplesNacional .

O Simples Nacional garante o tratamento diferenciado aos pequenos negócios, previsto na Constituição. O regime de tributação simplificado, criado em 2006, tem o objetivo de reduzir a burocracia e os impostos pagos por essas empresas, unificando oito tributos em um só boleto – IRPJ, CSLL, PIS/Pasep, Cofins, IPI, ICMS, ISS e a Contribuição Patronal Previdenciária para a Seguridade Social (CPP).

As Micro e Pequenas Empresas, já optantes pelo Simples Nacional, que preveem um faturamento menor em 2019 – abaixo de R$ 81 mil -, poderão solicitar o enquadramento no Sistema de Recolhimento em Valores Fixos Mensais dos Tributos (Simei), que independe da receita bruta mensal.

Quem já é Microempreendedor Individual (MEI) está automaticamente cadastrado no regime Simei, porém, se a previsão do faturamento anual ultrapassar o teto de R$ 81 mil, o empreendedor deverá optar pelo desenquadramento e passar a recolher tributos pela regra geral do Simples Nacional.

Porém, as empresas registradas como MEI, devem ficar atentas, se o faturamento anual ultrapassar o teto em até 20%, ou seja, até R$ 97,2 mil, a empresa irá pagar sobre o faturamento bruto excedente com base nas tabelas do Simples Nacional. Já se o excesso for maior que 20%, os tributos com base nas tabelas do Simples Nacional, irão incidir sobre o faturamento total do ano.

“Por isso, é importante procurar a ajuda do contador para definir qual a melhor opção, pois a mudança do regime tributário pode gerar uma redução de impostos, mas se não for bem calculada pode resultar em multas e até sair mais cara para o empresário”, explica o analista do Sebrae Minas Haroldo Santos.

Já para as empresas que ainda não são cadastradas no Simples Nacional, o prazo de adesão também termina no final de janeiro. O pedido deverá ser feito também pelo Portal do Simples Nacional. Quem perder o prazo só poderá entrar no sistema em 2020. A empresa que fez o agendamento do Simples no final do ano passado e que não apresentou nenhuma pendência de documentação foi incluída no sistema automaticamente.

Continua lendo

Últimas Notícias

Adolescente é esfaqueada sete vezes após fugir de estupro

Crime ocorreu em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte

Hospital João XXIII - Foto: Reprodução

Uma adolescente de 13 anos foi esfaqueada no último sábado, 5, após tentar fugir de uma tentativa de estupro, em Ribeirão das Neves, Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Conforme a Polícia Militar (PM), o suspeito do crime é um homem de 27 anos, que chamou a menina para ir até a casa dele e disse que daria algo a ela. Quando a vítima chegou à residência, no bairro Savassi, o suspeito colocou uma faca no pescoço dela e tentou estuprá-la.

A jovem conseguiu escapar e saiu correndo pela rua, mas o homem correu atrás dela com a faca e, em determinado momento, quando ela perdeu o equilíbrio e caiu, ele a golpeou com a faca. A vítima levou sete facadas.

Mesmo ferida, conseguiu correr até a casa da tia, no mesmo bairro, onde foi socorridos pelos familiares e vizinhos para o Hospital Municipal São Judas, em Ribeirão das Neves.

A adolescente foi transferida para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, após o quadro de saúde se agravar, nesta segunda-feira, 7.

A Polícia Militar foi chamada ainda na unidade de saúde da cidade onde ocorreu o crime. O suspeito fugiu, mas foi localizado e preso. A arma utilizada no crime também foi apreendida. Ele foi preso em flagrante por tentativa de homicídio e de estupro de vulnerável e encaminhado ao sistema prisional.

Continua lendo

Últimas Notícias

Acidente deixa feridos em estrada de Santa Luzia, na Grande BH

Acidente ocorreu em um desvio que esta sendo utilizados por motoristas

Um acidente envolvendo um carro e uma carreta em Santa Luzia, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, na manhã desta segunda-feira, 7, deixou duas pessoas feridas.

Segundo a Polícia Militar (PM), o acidente ocorreu após os veículos baterem de frente na Estrada das Maravilhas, que sendo usada por motoristas após a interdição de parte da Avenida Brasília, deste o dia 1º de dezembro.

Ainda conforme a corporação, duas pessoas ficaram feridas.

A Prefeitura de Santa Luzia listou vias do desvio:

•Avenida Brasília sentido prefeitura

•Rua Américo Renê Gianetti

•Rua Governador Israel Pinheiro

•Rua Governador Bias fortes

•Rua Rodésia

•Rua Holanda

•Rua Suécia

•Rua Japão

•Avenida Europa

•Avenida Dom Pedro I

•Rua Imperatriz Leopoldina

•Rua Dona Mercês Dolabela

•Rua Dona Maria José Lara

•Avenida Brasília novamente depois da ponte

Continua lendo