ELEIÇÕES 2020Veja os 15 nomes dos candidatos a Prefeito em Belo Horizonte saiba mais
Gustavo Fonseca

Em quanto tempo depois de beber o motorista pode dirigir?

Por Dentro de Minas - Google News (pordentrodeminas - googlenews)

Essa é uma dúvida para muitos motoristas.

Os perigos de dirigir logo após beber são consideráveis, colocando não só a vida do próprio motorista em risco, mas também a de outras pessoas, como pedestres, passageiros e outros condutores.

Neste artigo, vamos falar sobre a Lei Seca e dar orientações sobre o tempo necessário para que o motorista possa voltar a dirigir em segurança após ingerir bebidas alcoólicas. Confira!

O que diz a Lei Seca sobre os limites de álcool no sangue

A Lei Seca foi sancionada em 2008, pela Lei nº 11.705, que alterou alguns artigos do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

 

Na atualização da lei, não há uma quantidade mínima de álcool para ser considerada infração, ou seja, qualquer vestígio de álcool apresentado no teste do bafômetro será considerado infração e, assim, o motorista será autuado pelos policiais.

 

Veja as alterações no CTB promovidas pela Lei nº 11.705:

“Art. 5º II – o caput do art. 165 passa a vigorar com a seguinte redação:

“Art. 165. Dirigir sob a influência de álcool ou de qualquer outra substância psicoativa que determine dependência:

Infração – gravíssima;

Penalidade – multa (cinco vezes) e suspensão do direito de dirigir por 12 (doze) meses;

Medida Administrativa – retenção do veículo até a apresentação de condutor habilitado e recolhimento do documento de habilitação.

III – o art. 276 passa a vigorar com a seguinte redação:

“Art. 276. Qualquer concentração de álcool por litro de sangue sujeita o condutor às penalidades previstas no art. 165 deste Código.

Parágrafo único. Órgão do Poder Executivo federal disciplinará as margens de tolerância para casos específicos.”

Como funciona o teste do bafômetro

Qualquer quantidade mínima de álcool comprovada no aparelho utilizado para teste do bafômetro é considerada infração e poderá incorrer em penalidade severa ao motorista infrator.

Esse aparelho tem a função de um medidor de álcool. Ele mede qualquer quantidade mínima de álcool que possa ter no organismo do condutor.

Para isso, o condutor deve soprar no aparelho. Fazendo isso, o aparelho vai medir se há ou não incidência de álcool no ar expelido.

Caso o resultado dê positivo, o policial deve aplicar novamente o teste após 15 minutos para ter certeza e prevenir possíveis falhas do aparelho.

Além do álcool, a perícia policial irá investigar também se o condutor está sob efeito de qualquer outra substância alucinógena que o limite fisicamente ou psicologicamente.

Essa análise é feita como na investigação de rotina do policial, isto é, procura por vestígios de drogas, observação do comportamento do condutor, odores etc.

E se o condutor se recusa a fazer o Teste do Bafômetro?

O condutor não é obrigado a fazer o teste do bafômetro. Mas se no caso em que há recusa o policial indicar vestígios de consumo, o condutor poderá ser penalizado, conforme dita o artigo 165 A, do Código de Trânsito Brasileiro:

“Art. 165-A. Recusar-se a ser submetido a teste, exame clínico, perícia ou outro procedimento que permita certificar influência de álcool ou outra substância psicoativa, na forma estabelecida pelo art. 277:

Infração – gravíssima;

Penalidade – multa (dez vezes) e suspensão do direito de dirigir por 12 (doze) meses;

Medida administrativa – recolhimento do documento de habilitação e retenção do veículo, observado o disposto no § 4º do art. 270.

Parágrafo único. Aplica-se em dobro a multa prevista no caput em caso de reincidência no período de até 12 (doze) meses.”

Saiba como o álcool reage no organismo e no comportamento

Antes de tudo, é necessário considerar que, mesmo não sentindo os sintomas de embriaguez, é possível ter álcool na corrente sanguínea, pois cada pessoa irá ter reações diferentes no organismo quando ingerir álcool.

Depois de ter ingerido uma quantidade relativa, os sintomas da reação do álcool no organismo começam a aparecer em qualquer pessoa. Sintomas como: lentidão; perda dos reflexos e movimentos; diminuição da capacidade de raciocínio; sonolência e moleza; distração; além de provocar, em algumas pessoas, coragem em excesso.

Uma dose de bebida que tenha álcool leva em média uma hora para ser metabolizada e começar a ser expelida pelo organismo. Essa dose pode ser de bebidas comuns, como uma taça de vinho, um copo de cerveja ou destilado.

E assim proporcionalmente. Uma dose de cachaça pura certamente levará mais tempo para a metabolização.

Afinal, em quanto tempo depois de beber é possível dirigir?

Primeiramente, o fato de não estar se sentindo bêbado não é garantia de que, caso venha a cair num teste de bafômetro, o resultado seja 0% de álcool.

Entendendo essa parte, mesmo que você tenha bebido pouco ou não se sinta bêbado, ainda pode ser autuado pelos policiais caso seja reprovado no teste do bafômetro.

Nunca é demais dizer que o certo, após beber, é ir de Uber, táxi ou afins. Assim, você pode beber à vontade (com moderação, claro) e ficar tranquilo ao voltar para casa.

Ter uma precisão do tempo que você deverá esperar para poder dirigir após parar de beber é relativo. Se for com base para poder passar em um possível teste de bafômetro, fica ainda mais impreciso.

Uma forma é calcular o tempo com base em estudos clínicos, os quais demonstram que o organismo metaboliza 0,1 grama de álcool, em média, 1 hora após a ingestão.

No entanto, o contexto deve ser considerado. O metabolismo para digerir esse álcool vai depender de fatores como: se a dose estava mais forte; se foi ingerido de estômago vazio ou não; se foi um homem ou uma mulher que ingeriu, já que em mulheres geralmente é mais lento; entre outros.

Então, a não ser que você tenha um bafômetro próprio e possa testar sozinho, é difícil saber o tempo exato e com total assertividade para ficar tranquilo em uma possível situação de teste de bafômetro.

Por isso, a dica de ouro é simples: se for beber, não dirija!

Agora que você sabe mais sobre os riscos de beber e, após, dirigir, compartilhe esta informação com seus amigos e familiares.

Quanto mais gente tiver acesso às informações relativas ao trânsito e às suas regras, melhor será a segurança de todos aqueles que participam do trânsito no Brasil.

Envie cópia do seu auto de infração para [email protected] para que eu analise gratuitamente a sua situação.

Se preferir, ligue para 0800 6021 543.

Gostou do artigo? Compartilhe e deixe seu comentário.

145 Publicações

Sobre
Escritor especialista em Direito de Trânsito, fundador do blog Doutor Multas que há nove anos vem conscientizando motoristas sobre seus direitos e deveres.
Artigos
Relacionados
Gustavo Fonseca

Você é motorista de app? Confira dicas para reorganizar sua renda familiar!

O transporte de passageiros foi um dos setores mais afetados com a pandemia do novo coronavírus. Para os motoristas de aplicativo especificamente,…
Gustavo Fonseca

Oratória para advogados: conheça todos os motivos para aprimorar a sua fala

Advogados dependem diretamente da capacidade de se expressar bem. Tanto é assim que, para esses profissionais, essa habilidade é praticamente um instrumento…
Gustavo Fonseca

Como fazer recurso de multa por transitar em local e horário não permitido

Como fazer recurso de multa por transitar em local e horário não permitido   Dirigir nas ruas e avenidas tão movimentadas e,…

Deixe uma resposta