Novo suspeito de mata mãe e criança é preso pela polícia

Mãe e filha são morta por suposto pai (Foto: Reprodução / Facebook)


A Polícia Civil, apreendeu mais um suspeito de mata mãe e filha em Poços de Caldas, no Sul de Minas, na tarde desta quarta-feira (24), temporariamente por 30 dias.

O funcionário público Carlos Henrique Ramos, de 36 anos, suspeito de ter participado das mortes da diarista Aline Rosa da Silva, de 30 anos e a filha dela, Tammy Caroline da Silva, de 3 anos, no último sábado (20).

Ele foi preso no terreiro de candomblé que ele comanda como pai de santo, no bairro São José, em Poços de Caldas. Ele é suspeito de ter instigado o pedreiro Marcos Francisco Pedrilho, de 22 anos, a matar a esposa e a filha esganadas.

Segundo o delegado, do caso, tanto o pedreiro Marcos Francisco Pedrilho, e o funcionário público Carlos Henrique Ramos, teria relacionamento, homossexual. Eles pode ter que uma acareação com os envolvidos.

 

Total
0
Shares

Relacionados
Total
0
Share