fbpx
Redes Sociais

Variedades

Caso de YouTuber mirim reacende discussão sobre relações tóxicas em família

Por Dentro de Minas - Google News (pordentrodeminas - googlenews)

Campanha “Salvem Bel para Meninas” foi um dos assuntos mais comentados nas redes sociais; suspeita de abusos psicológicos e mãe narcisista inflou acusações nas redes sociais

A hashtag “#SalvemBelParaMeninas” se tornou o assunto mais comentado do Twitter na última semana. Diversos internautas fizeram acusações relacionadas ao suposto abuso psicológico sofrido pela YouTuber mirim, Isabel Magdalena, conhecida como Bel. Os relatos e análises feitos nos vídeos do canal da criança relataram suspeitas graves de uma relação tóxica entre ela e seus pais, principalmente partindo da mãe, Francinete Peres, conhecida como Fran, que coordena todo o conteúdo disponibilizado pela garota.

Tudo começou quando alguns seguidores perceberam situações estranhas no canal, como vídeos extremamente infantilizados para a idade de Bel – que atualmente possui 14 anos -, falas e reações tóxicas partindo da mãe que está presente em quase todos o vídeos e o aparente incômodo da criança em realizar diversos tipos de gravações. Logo em seguida, outros depoimentos também comentavam sobre a vida pessoal da menina – que supostamente é obrigada a se manter longe de outras pessoas e evitar amizades nos locais que frequenta, como a escola.

O Conselho Tutelar do Rio de Janeiro tomou conhecimento das milhares de acusações e, neste momento, são realizadas investigações sobre o caso.

Narcisismo materno se tornou pauta

Uma das principais formas de abuso comentadas sobre o caso trata-se do conceito popularmente conhecido “Mãe Narcisista”. A psicóloga Ana Paula Ribeiro explica que esse transtorno se refere ao abuso psicológico materno que pode afetar toda a vida dos filhos. “Geralmente, a relação entre uma mãe narcisista e o filho é extremamente tóxica. Por ter uma posição de autoridade, ela se acha no direito de controlar tudo o que o filho pode ou não fazer e suas opiniões. Faz com que ele tente ser perfeito e qualquer erro pode causar reações exageradas, agressões verbais e físicas, vitimismo, hostilidade etc”, esclarece.

Dessa forma, a criança pode crescer com a autoestima abalada, sofrer com diversos transtornos psicológicos e ter dificuldade em outros tipos de relação. “A figura materna é muito importante na vida de um indivíduo. Por isso, quando algum tipo de abuso parte dessa relação, é comum que os traumas possam durar por toda vida”, destaca a especialista.

Ana Paula orienta que este tipo de situação merece atenção profissional. “Isso é considerado uma patologia e pode ser tratada por profissionais em saúde mental. O tratamento abrange tanto a criança, que é a vítima, quanto a mãe, que muitas vezes desenvolve esse comportamento devido a outras experiências que teve ao longo da vida”, comenta.

Saber a diferença é importante

Porém, Ana Paula alerta para o entendimento sobre o que realmente se encaixa como relações tóxicas entre mães e filhos. “Na sociedade em geral, a mãe é vista como uma figura perfeita. É preciso esclarecer que elas também podem errar, é normal. Elas possuem diversas responsabilidades e podem se sentir cansadas em diversas situações. O fato de uma mãe chamar a atenção do filho ou controlar algumas das suas ações não deve ser visto como algo errado, isso é necessário para a criação de limites. A relação tóxica se estabelece quando essas reações começam a ser extremamente exageradas e em situações desnecessárias”, aponta.

Fonte: Ana Paula Ribeiro Imbuzeiro, psicóloga, especialista em neuropsicologia, neurofeedback.

[ Jornalista e Editor Geral - Por Dentro de Minas | Portal Terra ] - Graduação: Jornalista (FESBH), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes) e Economista (UNIP). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (Universidade Europeia Miguel de Cervantes/UEMC), Doutorado Prof. em Ciências Sociais e Políticas (USIP) e atualmente cursa Direito (UNIESP-BH). Apaixonado por música, colabora no "CulturalizaBH/Portal UAI" e na "TV Balcão" com a coluna "Crítica Musical" falando sempre sobre álbuns, coberturas de shows e etc. Tem como hobbie comprar CDs e também vinis. É também apaixonado por Sociologia, tanto que de sua graduação em Ciências Sociais: Sociologia, se tornou colunista de Opinião & Comportamento do portal da "RedeTV!" e "Rondônia Digital" e desta coluna, nasceu o "E-book: Sociedade Conectada: a Influência da Internet no Cotidiano". Da Economia, área ao qual foi repórter e sub-editor, se tornou colunista no "Divulga Gerais" após sua graduação em Ciências Econômicas: Economia. É colaborador de Jornais/Portais de Notícias, Diretor do Grupo Conteúdo - Agência de Notícias - Sites e também editora e assina matérias em alguns jornais de Minas Gerais e do Brasil. A escrita é sua maior base e paixão no Jornalismo. [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

Publicidade
Comentar

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Variedades

Cidade dos Meninos entrega 650 marmitas diariamente

• atualizado em 02/07/2020 às 15:18

Crédito da foto: Divulgação: Cidade dos Meninos.

A regra atual é clara: fique em casa. Mas e aqueles que não têm aonde ficar ou que precisam de algum tipo de ajuda? Sem comércios abertos e com menos pessoas circulando nas ruas, o acesso às doações ficou mais difícil. Diante da situação e pensando nas pessoas em situação de rua e vulnerabilidade social, a Cidade dos Meninos, instituição que integra o Sistema Divina Providência e que fica localizada em Ribeirão das Neves, uniu forças com empresários e, semanalmente, entrega 650 marmitas diariamente para os mais necessitados.

De acordo com Damaris Souza, nutricionista da instituição, as refeições são preparadas com todo o cuidado e acompanhamento nutricional. “A nossa meta é continuar ajudando o maior número de pessoas, pois sabemos que há muitos necessitados. Tudo é feito com muito carinho e com todo o cuidado necessário. E para que não haja aglomeração na porta da nossa unidade, as marmitas estão sendo distribuídas em locais de grande vulnerabilidade social”, afirma.

Antônio Benvindo, analista de comunicação da instituição ressalta que todo o trabalho só é possível através de doações. “Contamos com ajuda de empresário e de diversas pessoas que nos ajudam com doações de mantimentos como arroz, feijão, óleo, macarrão, carne, entre outros. Tudo é muito bem-vindo”, finaliza.

Doações

Para quem deseja fazer uma doação pode ser feita através de depósito ou transferência bancária para:

Titular: Associação de Promoção Humana Divina Providência

Banco: Itaú

AG: 6572

C/C: 60880-7

CNPJ: 00.981.069/0006-58

Confira um pouco do trabalho realizado:

Continuar lendo

Cultura

Beto & Breno tomam todos os cuidados contra o Covid-19 em live que acontece neste sábado

• atualizado em 26/06/2020 às 08:50

Sertanejos, que farão mais de 3 horas de show com transmissão ao vivo pelo canal oficial dos artistas no YouTube.com/BetoeBreno, planejaram uma série de medidas para garantir a segurança da saúde de toda a equipe

A grande festa da música sertaneja que a dupla Beto & Breno realizará on-line neste sábado, 27 de junho, às 16h30, será cercada de cuidados. Para garantir a segurança da saúde de toda a equipe e dos cantores, uma série de medidas foram tomadas e são exigência dos artistas para a realização da live.  ‘Amor de Lares’ é o título do show que será transmitido ao vivo no canal Youtube.com/BetoeBrenooficial, pelo link https://www.youtube.com/watch?v=I9nVqjhdHO0, com um mix de músicas românticas e animadas que esquentará o sábado de inverno.

A live ‘Amor de Lares’ teve no nome escolhido em alusão ao último sucesso da dupla, ‘Amor de Bares. A festa on-line contará com um repertório recheado de sucessos de grandes nomes do sertanejo, como, Zezé di Camargo & Luciano, Bruno & Marrone, Leandro & Leonardo, Édson & Hudson, Chitãozinho & Xororó, Gusttavo Lima, Zé Neto & Cristiano, Marília Mendonça,  Matheus & Kauan e muitos outros. Mas as músicas de Beto & Breno que estão na ponta da língua dos fãs não ficarão de fora. “Amor de Bares, Volta Maria, O Que que Ela Tem, Agora Sou Mais Um, e Quero Que Valorize não podem faltar, pois quem nos acompanha nos shows e nas redes sociais sempre pede”, conta Beto.

Para evitar os riscos de contaminação pelo novo coronavírus, a equipe técnica estará paramentada com equipamentos de proteção individual e o uso de máscaras fora de cena é obrigatório. O contato físico será evitado e colaboradores da área da limpeza estarão o tempo todo a postos para a desinfecção de espaços e objetos.

Durante a live ‘Amor de Lares’ será possível fazer doações para ajudar quem precisa. Recursos serão arrecadados para a instituição Lar de Antônio Tereza, que ajuda cerca de 800 crianças carentes. Após a transmissão ao vivo, tudo o que for doado será repassado para a entidade e a dupla prestará contas por meio das redes sociais oficiais.

Para não perder a live de Beto & Breno, basta se inscrever no canal www.youtube.com/betoebreno e ativar as notificações. Assim, o próprio YouTube avisará quando a cantoria começar. O link direto para a transmissão ao vivo já está disponível: https://www.youtube.com/watch?v=I9nVqjhdHO0.

Sobre Beto & Breno

Elias (Beto) e Breno se conheceram em 2009 e logo tornaram grandes amigos. Em 2011, montaram a primeira formação da dupla, com o nome ‘Breno & Gustavo’, que durou pouco, pois Breno teve que retornar à sua cidade natal, Vitória / ES. Ambos continuaram batalhando na música, sendo que Beto voltou para a sua primeira parceria musical, com Alessandro, e Breno seguiu carreira solo em terras capixabas.

Já em 2015, Breno retorna para a capital mineira e os dois nem pensaram muito e retornaram com a dupla, mas com um novo nome: Beto & Breno. Desde então, os artistas seguem batalhando para conquistar cada vez mais espaço e o retorno tem sido gratificante. Em 2019 eles foram considerados a dupla revelação em Minas graças ao sucesso de ‘Amor de Bares’, hit que ganhou as ondas do rádio, as redes sociais e os palcos dos maiores eventos da região, como, Festival Brasil Sertanejo, Arraiá de Belô, Pedro Leopoldo Rodeio Show, Expo Cachaça e muitos outros com projeção na mídia, conquistando cada vez mais fãs.

Com o sucesso repentino, as vozes de Beto & Breno ecoaram pelos quatro cantos do país quando foram convidados pelo SBT para interpretar a música ‘Casinha Branca’, que foi tema da novela Cúmplices de um Resgate.  E não para por aí, pois eles foram convidados a participar do projeto ‘Cerveja, Churrasco e Viola’, dirigido pelo Talismã, escritório do cantor Leonardo. A iniciativa contou com grandes artistas da música sertaneja, como, Matogrosso e Mathias, Eduardo Costa, Cézar e Paulinho, Trio Parada Dura, César Menotti & Fabiano, além, é claro de Beto & Breno.

E para coroar todo o sucesso conquistado, a dupla gravou e lançou em 2019 o DVD ‘Entre Amigos’, com as participações especiais de Fabiano Menotti (César Menotti & Fabiano), Eduardo Costa e Edy Brito & Samuel. A faixa ‘Amor de Bares’, que faz parte do trabalho, já está com quase 1,5 milhão de visualizações no YouTube.

Serviço:

Beto & Breno – Live ‘Amor de Lares’

Data: 27 de junho, sábado

Horário: 16h30

Acesso pelo https://www.youtube.com/watch?v=I9nVqjhdHO0

Continuar lendo

Saúde & Vida

Artesanato é usado como ferramenta de criatividade e socialização de pessoas com deficiência intelectual

Foto: Heberton Lopes

Atividade faz parte da intensa programação interna do CENSA Betim, que apesar da quarentena, tenta manter a rotina dos educandos

Historicamente, o artesanato é considerado uma criação humana com valores estéticos, que sintetiza emoções, os sentimentos e principalmente a cultura. Assim, ela é um meio importante para o desenvolvimento social e afetivo do ser humano. Seguindo esse raciocínio, o CENSA Betim (Rodovia Fernão Dias, Km 494 – S/N Betim – MG), instituição com 55 anos de atuação e referência nacional no atendimento de pessoas com deficiência intelectual, vem apostando na arte para exercitar ainda mais a criatividade dos seus educandos durante a quarentena necessária em virtude da pandemia do COVID-19.

De acordo com a mestre em psicologia e diretora do CENSA Betim, Natália Costa, o artesanato possibilita aos educandos, a oportunidade de desenvolver áreas importantes do córtex . “Através da arte é possível estimular a percepção visual, através das cores por exemplo, a percepção tátil através da escolha e manuseio dos materiais, a intuição, a imaginação e a reflexão, permitindo assim o desenvolvimento da criatividade. O artesanato se torna uma ferramenta poderosa, principalmente durante o isolamento social, pois a arte é sempre uma ponte para se acessar a alma do indivíduo. Durante esse período, estimulamos nossos educandos a produzir uma peça de artesanato para alguém que ama e é motivo de saudade, e durante a confecção essa saudade é liberada em forma de arte … o processo é lindo e libertador”, comenta.

Os educandos do CENSA Betim produzem vários tipos de artesanato, mas o destaque fica para os bonecos e palhaços, que encantam os visitantes. Segundo Natália Costa, todos os objetos utilizados durante a produção nas Oficinas do CENSA Betim, que agora funciona ao ar livre, passam por rigorosa higienização. No local, tudo é verificado por profissionais especializados. “Temos cuidados redobrados durante a pandemia. Além da higienização constante dos itens utilizados, as atividades são realizadas em espaços ventilados e com acompanhamento da equipe de enfermagem e cuidadores o tempo todo”, conclui.

Estrutura

Para dar todo o atendimento necessário e especial, o CENSA Betim oferece três diferentes modalidades de atendimento para o público. A convivência-dia, que acontece de segunda à sexta, de 08h às 17h; o atendimento integral, com funcionamento 24 horas, que engloba hospedagem por tempo indeterminado; e a hospedagem periódica, que é especificamente para os planos de finais de semana, férias ou de acordo com as necessidades de cada família.

CENSA Betim

Fundado em 1964, o CENSA Betim é um local para cuidados básicos e um espaço para ser e conviver. Sua missão é atender as necessidades da pessoa com deficiência intelectual, associada ou não a outros transtornos, e da sua família, assegurando-lhes qualidade de vida e uma educação socializadora. O CENSA Betim conta com uma equipe transdisciplinar, convênios e parcerias. Além disso, oferece uma proposta diferenciada com atividades esportivas e recreativas, escolaridade especial, equitação e oficinas de música, teatro e artesanato. Tudo isso em um ambiente familiar e integrado à natureza.

Continuar lendo