Redes Sociais

Últimas Notícias

Iate Tênis Clube se prepara para mais uma edição do Réveillon

• atualizado em 28/12/2018 às 15:44

A estrutura já começou a ser montada para a tradicional festa de passagem de ano de BH, que conta com vista privilegiada aos fogos da Lagoa da Pampulha e grandes shows de sertanejo, pagode e estilos variados

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é unnamed.jpg
Faltando menos de uma semana para a comemoração da chegada do ano novo, os preparativos para o Réveillon do Iate 2019 já começaram no clube. A montagem do palco e estrutura foi iniciada, e a expectativa para receber o Ano Novo na mais tradicional festa da cidade é alta. O clube localizado na Av. Otacílio Negrão de Lima, 1350 – São Luiz, é o local certo para quem busca muita animação e música boa para celebrar a chegada de 2019. Zé Neto e Cristiano, Dilsinho, Renan e Rafael e Rayan Carlo comandarão os shows de boas-vindas ao ano novo no dia 31 de dezembro, segunda-feira, a partir das 20h.

Responsáveis por vários sucessos que estão no topo das paradas musicais e na boca todo mundo, a dupla Zé Neto e Cristiano garantirá uma virada de ano regada a muita sofrência e bebedeira ao som de modas, como Largado as traças, Amigo taxista, Cadeira de aço e, claro, Seu polícia. A festa ainda contará com todo o romantismo de Dilsinho, que é dono de números surpreendentes de visualizações nas plataformas digitais e embala os corações dos pagodeiros apaixonados com os hits Péssimo Negócio, 12 horas, Refém, Trovão, Cansei de farra, entre outras.

Renan & Rafael revelam durante a apresentação os traços fortes da musicalidade mineira presentes no repertório da dupla que se diferencia por manter viva a tradição do sertanejo de raiz, mas também valorizando o universitário e hits da música atual. E para fechar a grade de atrações, Rayan Carlo, que faz show nas principais casas noturnas do estado, chega com sua energia no palco com o melhor da música sertaneja.

Além dos grandes shows, o evento que conta a vista privilegiada para a tradicional queima de fogos da Pampulha. A festa será dividida em três setores: espaço premium, frontstage e mesas. Quem estiver no espaço premium terá open bar com whisky, vodka, cerveja, citrus, refrigerante e água. O backstage dará o direito a whisky, espumante, energético, vodka, cerveja, citrus, suco, refrigerante, água e petiscos, além de um espaço exclusivo para quem quer curtir os shows em um ambiente mais tranquilo. As mesas estarão em um espaço mais reservado, mas sem perder o acesso ao backstage, com open bar de whisky, espumante, vodka, cerveja, citrus, suco, refrigerante, água, entrada, jantar ceia, sobremesa e café da manhã.

Os ingressos para a festa estão à venda na loja da Nenety Eventos, localizada no Shopping 5ª Avenida, no site www.nenety.com, ou na bilheteria do Iate Tênis Clube. Os preços variam de R$210 (Premium) a R$1700 (mesa), e usando o código promocional “IATE20” nas compras online, os interessados recebem 20% de desconto no valor total da compra.

SERVIÇO

Réveillon Iate 2019

Shows: Zé Neto e Cristiano, Dilsinho, Renan e Rafael e Rayan Carlo

Data e horário: 31 de dezembro de 2018, segunda-feira, às 20h

Ingressos:

Espaço PREMIUM (lote 2) – R$210,00

Open bar de wisky, vodka, cerveja, refrigerante, suco e água.

FRONTSTAGE (lote 2) – R$290,00

Open bar de wisky, vodka premium, espumante, cerveja, refrigerante, suco e água.

Petiscos

Mesa (4 pessoas) – R$1700,00

Open bar de wisky, vodka premium, cerveja, espumante, refrigerante, suco e água. Acesso ao backstage.

Ceia completa e café da manhã

Vendas:

Nenety Eventos – Shopping 5ª Avenida – Rua Alagoas, 1314, Piso C, loja 16, Savassi

Iate Tênis Clube – Av. Otacílio Negrão de Lima, 1350 – São Luiz

Site: www.nenety.com.br

Crianças com até seis anos de idade no colo não pagam, mas não terão cadeiras reservadas.

Estacionamento: 1 carro por mesa – Valor R$ 40,00

Classificação etária: Menores com idades entre 14 e 16 anos podem ir ao evento acompanhados pelos pais ou outros outros parentes, como tios, avós ou irmãos maiores de idade, mediante autorização por expresso dos responsáveis legais.

Realização: Nenety Eventos

Continua lendo
Publicidade
Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

176 vítimas do rompimento da barragem da Vale são identificadas

Governo de Minas Gerais diz que 134 pessoas estão desaparecidas

Corpo de Bombeiros de Minas Gerais localizou 176 corpos de vítimas do rompimento da narragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, região metropolitana de Minas Gerais. Todos os corpos foram indentificados pelo Instituto Médico Legal (IML).

Segundo informações do governo de Minas Gerais, 134 pessoas estão desaparecidas, sendo 31 funcionários da mineradora Vale e 103 trabalhadores terceirizados e moradores da região.

Desde ontem (20), uma equipe do Corpo de Bombeiros está fazendo buscas na área onde funcionava o almoxarifado da Vale. No local foi encontrado um corpo, removido para o IML para identificação.

A tragédia causada pelo rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, a 57 quilômetros de Belo Horizonte, completa hoje (4) 11 dias de buscas.

O almoxarifado foi identificado pelo cruzamento de dados, de localizações georreferenciadas e de indicações do terreno. As buscas na área do almoxarifado se desenvolveram durante esta quinta-feira e continuarão amanhã (22), segundo o Corpo de Bombeiros.

O Corpo de Bombeiros trabalha em sete frentes de buscas na área da barragem que se rompeu no último dia 25 de janeiro. Nesta fase de escavações, o trabalho é mais difícil porque a lama está muito profunda. A corporação mineira atua com apoio de militares de outros estados.

Continua lendo

Últimas Notícias

Polícia prende suspeito de matar ex-namorada em Betim

Ex-namorado é suspeito de matar vítima com vários golpes de martelo na cabeça

A Polícia Civil de Minas Gerais realizou o cumprimento do mandado de prisão preventiva em desfavor de Matheus Vítor Vilela, 22 anos, na última sexta-feira, 15 de fevereiro.

Matheus é suspeito de, no dia 1º de fevereiro, ter assassinado a ex-namorada Akiria Carla Ferreira da Silva, 20 anos, com vários golpes de martelo na cabeça. Na data do crime, o suspeito que insistia em reatar o relacionamento com a vítima, a procurou e a agrediu com diversos golpes fatais.

A vítima foi encontrada na casa dela, no bairro Granja São João, em Betim, gravemente ferida. Ela não resistiu aos ferimentos e morreu em seguida.

Iniciadas as investigações pela Polícia Civil, o suspeito pelo feminicídio foi identificado, mas, após cometer o bárbaro delito, fugiu para Belo Horizonte, onde ficou escondido até a data da prisão.

Logo após o assassinato, Matheus também subtraiu o aparelho celular da vítima, ocasião em que passou a utilizar rede social dela (Facebook), para ameaçar parentes e amigos de Akíria.

O envolvido, já era investigado pela PCMG pela prática de dez crimes de roubo, contra motoristas do aplicativo ¿’ber”, na cidade de Betim.

Continua lendo

Últimas Notícias

Polícia Civil atua em sequestro de gerente de banco e prende suspeito

A vítima foi feita refém do grupo quando chegava em casa, em Belo Horizonte

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), em mais uma ação de pronta resposta, prendeu, nesta quarta-feira (20), Rafael Silveira de Almeida, de 38 anos. Ele é um dos suspeitos de sequestrar um gerente de banco ontem à noite no bairro Guarani, em Belo Horizonte.

Segundo o Delegado Ramon Sandoli, o crime, iniciado ontem (19), é de extorsão mediante sequestro na modalidade “sapatinho” pela sequestração do gerente do banco. A vítima, que tem 29 anos, foi feita refém do grupo quando chegava em casa, em Belo Horizonte. Depois os suspeitos foram até a casa dos pais do gerente, em Betim e da namorada dele, de 21 anos, onde fizeram os reféns juntamente com um amigo, de 20. Mantiveram os quatro no cativeiro, em Ribeirão das Neves, retornando com o gerente para a agência bancária, onde a vítima, com o artefato de simulacro amarrado em seu corpo, tinha a missão de abrir o cofre e retirar o dinheiro para repassá-lo os criminosos.

“A PCMG foi acionada e, por volta das 13h de hoje (20), conseguiu localizar o cativeiro, em Ribeirão das Neves, onde foi feito a liberação dos quatro reféns sem nenhum ferimento e a prisão de um dos suspeitos que estava no cativeiro com uma arma de fogo calibre 22, utilizada, provavelmente para intimidar os reféns”, garantiu o Delegado. O preso, que já tem passagens por roubo, furto e lesão corporal, saiu da prisão em dezembro de 2018.

Para o Delegado Sandoli, a forma de deslocamento dos integrantes da quadrilha é indicativo de que eles conheciam a região, levantando a suspeita de que os autores sejam da região metropolitana de Belo Horizonte, sendo que as investigações prosseguem para identificar e prender os outros envolvidos.

Continua lendo