Vídeo mostra suposto estupro de padre a coroinha de 14 anos no Sul de Minas

Vídeo que circula nas redes sociais mostra suspeito beijando menina em Arceburgo.
Por Dentro de Minas - Google News (pordentrodeminas - googlenews)

A Polícia Civil está investigado um suposto estupro comedido por um padre a coroinha de 14 anos em Arceburgo, no Sul de Minas. As investigações começaram após um vídeo que circula nas redes sociais com imagens do suposto estupro.

Foi registrado um boletim de ocorrência da Polícia Militar durante tarde de quarta-feira (26). A vítima é coroinha na igreja onde o suspeito é pároco.

Os abusos teriam começado em março deste ano, segundo relatos da família. Um inquérito foi aberto para investigar o caso. O padre foi afastado pela Igreja imediatamente com o intuito de averiguar os possíveis fatos e acontecimentos, de acordo com Diocese.

Vídeo:

Leia abaixo na íntegra da Diocese de Guaxupé:

Ciente da denúncia apresentada em Arceburgo (MG) contra o clérigo, Monsenhor Enoque Donizetti de Oliveira, a Diocese de Guaxupé, fundamentada e orientada pelo Código de Direito Canônico e pelo recente Magistério Pontifício, procedeu o afastamento imediato do referido sacerdote, com o intuito de averiguar os possíveis fatos e acontecimentos.

O objetivo desta medida cautelosa é contribuir para o bem estar da comunidade local e diocesana.

Iluminada pela força da fé cristã, a Diocese de Guaxupé se compromete com os valores legítimos da Verdade e da Justiça.

Guaxupé, 27 de julho de 2017.
Dom José Lanza Neto
Bispo de Guaxupé

Total
0
Comp.
Reportagem Anterior

Opinião: Prepare-se para o verão

Próxima Reportagem

Previsão do tempo para Minas Gerais, nesta sexta-feira, 28 de julho

Postagens Relacionadas