fbpx
Redes Sociais

Trânsito

Carros com seguro barato: saiba quais são os principais

Por Dentro de Minas - Google News (pordentrodeminas - googlenews)

Saber quais são os carros com seguro mais barato é um conhecimento importante para quem quer ter um automóvel na garagem, mas não tem dinheiro de sobra no momento.

Comprar um carro não se trata apenas de ter o dinheiro para o pagamento à vista ou financiado. É necessário também ter a noção de que um automóvel custa dinheiro mensalmente. Isso inclui gasolina, peças novas, manutenção e, claro, o seguro automotivo.

Por isso, se você compartilhar o sonho de consumo mais comum do Brasil, mas não tem uma margem muito folgada no seu orçamento, precisa descobrir quais são os carros com seguro mais barato do país.

Para sua sorte, nós temos essa lista. Quer saber quais são? Então siga a leitura abaixo.

O que influencia no valor do seguro de um carro?

Antes de falarmos quais são os carros com seguro mais barato do Brasil, precisamos em primeiro lugar compreender porque alguns automóveis têm um determinado valor e outros têm um valor diferente.

Isso acontece porque o preço de um seguro automotivo é calculado levando em consideração dois principais fatores. São eles:

  • o risco do motorista;
  • a probabilidade do automóvel se envolver em algum sinistro (roubo, acidente, etc.).

Levando esses dois elementos em consideração, as seguradoras chegam ao valor do seguro automotivo que cobrarão dos seus clientes.

Antes disso, no entanto, elas elaboraram um valor base tendo em vista os elementos específicos de cada carro. Por exemplo, qual é o custo de manutenção do automóvel, a abundância de peças, se o modelo precisou de recall ou não, se é um veículo visado por ladrões e vários outros.

Com base nisso, a seguradora determina um montante específico para cada carro e, então, altera esse valor com base no risco que cada motorista oferece. Para calcular isso, a seguradora usa elementos como:

  • gênero da pessoa;
  • idade;
  • tempo de habilitação;
  • estado civil;
  • cidade;
  • histórico;
  • uso do carro (passeio ou trabalho);
  • frequência de uso.

Com base nesses dados, a seguradora estabelece o risco que aquela pessoa oferece e, então, usa o valor base de cada carro para chegar ao montante específico que cobrará do cliente.

Por isso, quando falamos de quais são os carros com seguro mais barato, estamos falando dos automóveis com esse valor base menor. Pode ser que você pague menos de seguro em relação a um carro teoricamente “mais caro”, mas o seu amigo pague mais em um carro “mais barato” porque ele oferece mais riscos do que você.

Quais são os carros com seguro mais barato do Brasil?

Depois de explicar como é feito o cálculo do valor dos seguros automotivos no Brasil, é hora de falar quais são os automóveis com valores médios mais baixos do mercado. Todos os dados abaixo foram disponibilizados pela Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) e são baseados em uma média nacional. Veja mais a seguir:

  • Toyota Corolla (custo aproximado de R$2.926,71);
  • Jeep Renegade (seguro base médio de R$2.769,52);
  • Volkswagen Gol (valor médio de R$2.204,68);
  • Volkswagen Polo (seguro aproximado de R$2.103,52);
  • Chevrolet Onix Plus (custo médio de R$2.098,44);
  • Hyundai HB20 Unique (seguro avaliado aproximadamente em R$2.038,87);
  • Fiat Argo (mais ou menos R$1.971,89);
  • Ford Ka (seguro em R$1.794,15);
  • Chevrolet Onix Joy (custo médio de R$1.786,51);
  • Renault Kwid (aproximadamente R$1.768,62).

Qual o impacto do seguro na sua vida financeira?

Ao saber quais sãos os carros com seguro mais barato do Brasil, você pode optar por aquele que dará maior folga financeira na sua vida. Afinal, os seguros têm peso considerável nesse aspecto.

É importante ter em mente que, como mencionado, os custos de um automóvel não se limitam ao preço pago por ele na concessionária de seminovos, usados ou novos. A partir do momento que o carro vai para a sua casa, uma série de gastos começam a ser contabilizados.

O primeiro deles é o IPVA, que é cobrado anualmente do dono do automóvel, mas que pode ser pago em até 3 vezes. O seguro é outro, normalmente pago em parcelas mensais para a seguradora, mas que também pode ser quitado de uma vez só.

Além deles, temos o custo com gasolina ou outro combustível, que depende do uso que o motorista dá para o veículo. Quanto mais se anda, mais se gasta nesse contexto.

Para completar, temos os custos de manutenção (como a revisão, substituição de peças e outros), além da desvalorização, que afeta de maneira implacável todos os veículos a partir do momento que são vendidos.

Por isso, é importante levar todos esses gastos em conta para entender qual a opção mais barata para o seu contexto e comprar o melhor carro possível para você.

E aí, gostou de conhecer quais são os carros com seguro mais barato do Brasil? Agora é só levar essa informação em conta na hora de escolher o seu próximo automóvel.

Não esqueça de compartilhar essa lista com seus amigos nas redes sociais para que eles também saibam sobre essas informações!

 

Publicidade
Comentar

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Trânsito

Direção defensiva: 4 formas de prevenir acidentes

Um conhecimento importante que todo motorista deveria ter é saber como prevenir acidentes com a direção defensiva. Se essa informação fosse mais divulgada, muitas vidas poderiam ser salvas todos os anos no Brasil.

Para se ter uma ideia, anualmente morrem pouco mais de 33 mil pessoas no trânsito brasileiro. No mundo todo, o número chega a 1,35 milhão de mortes. É muita gente.

Por isso, se você quer manter a segurança ao dirigir, precisa aprender como prevenir acidentes com a direção defensiva. O ideal é fazer um curso especializado no assunto, mas você já pode colocar em prática as dicas mencionadas a seguir.

1. Dirija com a postura correta

Um dos principais problemas de motoristas no trânsito é a má postura ao dirigir. Parece algo bobo de se dizer e até mesmo o tipo de preocupação que os pais têm com os filhos pequenos, mas é verdade: a postura é um problema sério no trânsito e pode causar muitos acidentes.

Isso acontece porque um acidente de trânsito ocorre em frações de segundos. Qualquer atraso na reação, desde o tempo para pisar no freio, virar o volante ou algo do tipo, pode causar uma fatalidade.

Por isso, uma das principais lições de direção defensiva é adotar uma boa postura ao dirigir. Confira algumas dicas:

  • mantenha sempre a postura ereta;
  • os braços e as pernas devem estar levemente flexionados;
  • a altura do banco deve estar configurada de modo a gerar uma boa visão da estrada;
  • mantenha as mãos no volante na posição 10:10 (imagine que o volante seja um relógio analógico). Idealmente, as suas mãos devem estar como se estivessem apontando 10 horas e 10 minutos nesse relógio;
  • esteja sempre com as duas mãos no volante.

2. Mantenha uma boa distância do outro carro

Outro erro muito comum em relação à segurança no trânsito tem a ver com a distância que mantemos dos outros veículos. É claro que, no cenário ideal, todo mundo andaria com a distância adequada do automóvel da frente, mas com a alta densidade habitacional atual, fica difícil obter tal distância nas ruas e estradas.

No entanto, é importante tentar o melhor possível para manter uma distância segura do veículo da frente. Isso porque, caso ele sofra um acidente ou freie de repente, você tenha tempo para desviar da situação.

Idealmente, devemos manter cerca de 4 metros (o tamanho de um carro popular) de distância do carro da frente a cada 20 km/h, ou seja: se você estiver andando a 60 quilômetros por hora, deverá ter 12 metros de distância do carro da frente.

3. Acione cada elemento do carro no momento correto

Você é daqueles que, quando vai subir uma ladeira, mas precisa parar o carro por causa do trânsito ou de um semáforo, fica dando pequenas aceleradas para mantê-lo na posição? Talvez você desça ladeiras em ponto morto, a famosa “banguela”? Quem sabe você tem o hábito de acelerar com intensidade quando sai com o carro?

Se você comete uma dessas ações, saiba que está adotando práticas negativas que podem prejudicar as peças internas do seu carro e, em um cenário maior, o automóvel em si.

No caso dos exemplos acima, o correto seria respectivamente:

  • pisar no freio o tempo todo ou usar o freio de mão;
  • manter o carro ligado;
  • acelerar moderadamente para manter o motor na marcha correta.

O problema de ter hábitos negativos na direção é que não só você pode causar um acidente, como pode deixar o seu veículo mais vulnerável a isso. Por exemplo, ao ficar forçando a aceleração na ladeira, você acaba sobrecarregando o seu sistema de câmbio. Quando precisar dele, pode não tê-lo disponível.

O mesmo acontece com o freio, com os pneus… enfim, com todas as peças e sistemas do seu automóvel.

4. Entenda como dirigir em determinados ambientes

Quando pensamos em dirigir, normalmente imaginamos em nossa cabeça o cenário ideal para isso: um céu de brigadeiro, uma estrada reta e ninguém por perto. Parece ótimo, não é mesmo?

No entanto, na prática, você nem sempre encontrará essas condições. Na verdade, é mais provável que você passe mais tempo dirigindo em situações bem longe do ideal. Alguns exemplos são:

  • chuva;
  • noite;
  • com neblina;
  • descidas ou subidas.

Por isso, o ideal é aprender os contextos específicos de cada um desses cenários. Assim, você pode se adaptar e manter o nível de segurança no máximo sempre que estiver dirigindo, independentemente das condições do momento.

Durante a chuva, por exemplo, o ideal é sempre diminuir a velocidade tanto para garantir maior aderência dos pneus ao solo (que é naturalmente perdida por causa do chão molhado) quanto para melhorar o seu tempo de resposta caso algum acidente ocorra. Além disso, é essencial acionar o limpador do vidro para melhorar a sua visibilidade.

Durante a noite, no entanto, os cuidados são outros. Precisamos usar os faróis baixos para melhorar a visibilidade e ter mais atenção nos elementos ao nosso redor, que podem estar ocultos pela falta de luz.

Com essas dicas, você já tem o básico de como prevenir acidentes com a direção defensiva. Agora é só colocar o conhecimento em prática para ficar mais seguro.

Não esqueça de compartilhar este artigo nas suas redes sociais para que mais pessoas possam dirigir com mais segurança!

 

Continuar lendo

Trânsito

Ônibus tem alteração de itinerário devido a obras na 710, em BH

Agentes serão mantidos no entorno do desvio e colocadas sinalizações e faixas de pano para orientação dos usuários da via

A BHTrans informa que haverá desvio no trânsito e alterações no transporte coletivo, a partir desta terça-feira, dia 6/11, em função da continuidade das obras da Via 710, nas proximidades da Estação José Cândido da Silveira e da rua Conceição do Pará. Agentes serão mantidos no entorno do desvio e colocadas sinalizações e faixas de pano para orientação dos usuários da via.

Os ônibus receberão cartazes com informações sobre as alterações. As linhas 821 (Estação José Cândido/Goiânia), 822 (Estação José Cândido/Vila Maria), 823 (Estação São Gabriel/Bairro Vitória), 3501A (Jardim Alvorada/São Marcos), 5503A (Goiânia), 9402 (Santa Inês/Santo André) e 9550 (Casa Branca/São Francisco via Estação José Cândido) farão o itinerário conforme descrito abaixo:

Desvio

Linhas 821, 822, 823, 3501A e 5503A

• Sentido Estação José Cândido/Bairro Horto para o Centro: …rua Conceição do Pará, seguir sob o viaduto da avenida José Cândido da Silveira, virar alça de acesso à avenida José Cândido da Silveira à direita, avenida José Cândido da Silveira sentido Centro..

• Sentido Estação José Cândido/Bairro Horto para Sabará: …rua Conceição do Pará, após Estação José Cândido da Silveira, alça de acesso à Sabará, avenida José Cândido da Silveira, MG05…

• Sentido Avenida José Cândido (Sabará) /Estação: avenida José Cândido da Silveira, nova alça de acesso após o viaduto da avenida José Cândido da Silveira, circular sob o viaduto e seguir pela rua Gustavo da Silveira até próximo ao Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG, virar à esquerda na nova alça de desvio, virar à esquerda na rua Conceição do Pará sentido Estação José Cândido da Silveira…

• Sentido Centro/Bairro Horto: …avenida José Cândido da Silveira, alça de acesso após o viaduto da avenida José Cândido da Silveira à direita, circular sob o viaduto, alça de acesso à avenida José Cândido da Silveira à direita, avenida José Cândido da Silveira sentido Centro, alça de acesso à rua Gustavo da Silveira, à direita (Via 710), rua Gustavo da Silveira, seguir pela rua Gustavo da Silveira até próximo ao Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG, virar à esquerda na nova alça de desvio, virar à direita na rua Conceição do Pará sentido Horto…

Linha 9402

• Sentido Bairro/Centro: … rua Minduri, rua Conceição do Pará, seguir sob o viaduto da avenida José Cândido da Silveira, virar alça de acesso à avenida José Cândido da Silveira à direita, avenida José Cândido da Silveira sentido Centro, alça de acesso à rua Gustavo da Silveira, à direita (Via 710), rua Gustavo da Silveira, seguir pela rua Gustavo da Silveira até próximo ao Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG, virar à esquerda na nova alça de desvio, virar à direita na rua Conceição do Pará sentido Horto…

• Sentido Centro/Bairro: Sem alterações.

Linha 9550

• Sentido Avenida José Cândido da Silveira/Bairro Horto: … avenida José Cândido da Silveira, alça de acesso após o viaduto da avenida José Cândido da Silveira à direita, circular sob o viaduto, alça de acesso à avenida José Cândido da Silveira à direita, avenida José Cândido da Silveira sentido Centro, alça de acesso à rua Gustavo da Silveira, à direita (Via 710), rua Gustavo da Silveira, seguir pela rua Gustavo da Silveira até próximo ao Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG, virar à esquerda na nova alça de desvio, virar à direita na rua Conceição do Pará sentido Horto…

• Sentido Bairro Horto/Avenida José Cândido da Silveira: Sem alterações.

O trânsito terá os seguintes desvios:

• Sentido Bairro Santa Inês/Bairro Horto: … rua Minduri, rua Conceição do Pará, seguir sob o viaduto da avenida José Cândido da Silveira, virar alça de acesso à avenida José Cândido da Silveira à direita, avenida José Cândido da Silveira sentido Centro, alça de acesso à rua Gustavo da Silveira, à direita (Via 710), rua Gustavo da Silveira, seguir pela rua Gustavo da Silveira até próximo ao Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG, virar à esquerda na nova alça de desvio, virar à direita na rua Conceição do Pará sentido Horto…

• Sentido Avenida José Cândido da Silveira/Bairro Horto: …avenida José Cândido da Silveira, alça de acesso após o viaduto da avenida José Cândido da Silveira à direita, circular sob o viaduto, alça de acesso à avenida José Cândido da Silveira à direita, avenida José Cândido da Silveira sentido Centro, alça de acesso à rua Gustavo da Silveira, à direita (Via 710), rua Gustavo da Silveira, seguir pela rua Gustavo da Silveira até próximo ao Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG, virar à esquerda na nova alça de desvio, virar à direita na rua Conceição do Pará sentido Horto…

• Sentido Rua Gustavo da Silveira/Bairro Santa Inês: … avenida José Cândido da Silveira, nova alça de acesso após o viaduto da avenida José Cândido da Silveira, circular sob o viaduto e seguir pela rua Gustavo da Silveira até próximo ao Museu de História Natural e Jardim Botânico da UFMG, virar à esquerda na nova alça de desvio, virar à esquerda na rua Conceição do Pará sentido Estação José Cândido da Silveira…

• Sentido Bairro Horto para o Centro (via avenida dos Andradas): Sem alterações.

Informações sobre esquema de trânsito e transporte na página da BHTrans e no twitter da BHTrans.

Continuar lendo

Trânsito

Viaduto da avenida José Cândido da Silveira terá interdições e novos acessos

Mudança é para dar continuidade nas obras da Via 710

• atualizado em 28/04/2020 às 17:48

Foto: Divulgação/BHTrans

A Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) informa que, dando continuidade as obras da Via 710, a partir do dia 28/8, terça-feira, serão interditadas a alças de acesso da avenida José Cândido da Silveira para rua Gustavo da Silveira, sentido Centro/Bairro. Os veículos irão utilizar as alças do viaduto para acessarem o bairro Horto e a estação do metrô José Cândido da Silveira. Confira os desvios no mapa:

Sentido Centro/Bairro Horto – Avenida José Cândido da Silveira, alça de acesso após o viaduto da avenida José Cândido da Silveira à direita, circular no viaduto, alça de acesso à avenida José Cândido da Silveira à direita, avenida José Cândido da Silveira (sentido Centro), alça de acesso à rua Gustavo da Silveira, à direita (via 710), avenida Gustavo da Silveira…

Sentido Sabará / Bairro Horto – Avenida José Cândido da Silveira, nova alça de acesso após o viaduto da avenida José Cândido da Silveira, circular sob o viaduto e seguir pela rua Gustavo da Silveira…

Transporte Coletivo

Um ponto de ônibus que se encontra dentro da área de fechamento, na rua Gustavo da Silveira, será relocado para garantir a segurança dos usuários.

Faixas de pano e placas indicativas serão implantadas e agentes da Unidade Integrada de Trânsito estarão monitorando a região durante a execução da obra e orientando sobre as modificações viárias. Informações sobre esquema de trânsito e transporte no portal da Prefeitura e no Twitter.

Continuar lendo