Consórcio BH Leste é multado em mais de R$ 162 mil por irregularidades na linha 9103

Segundo Procon-MG, empresa descumpriu quadro de horários e ocupação máxima dos ônibus na linha que faz Santa Tereza/Santo Antônio
Consórcio BH Leste é multado em mais de R$ 162 mil por irregularidades na linha 9103 - Foto: Reprodução
Consórcio BH Leste é multado em mais de R$ 162 mil por irregularidades na linha 9103 – Foto: Reprodução


O Consórcio BH Leste, uma das empresas operadoras do transporte coletivo de Belo Horizonte, foi multado pelo Procon-MG pela irregularidades na prestação do serviço na capital mineira.

Conforme o Procon-MG, a empresa descumpriu o quadro de horários e as normas do Decreto Municipal da Prefeitura de Belo Horizonte nº 17.362/2020, sobre a lotação máxima dos veículos durante viagens na linha 9103 (Santa Tereza/Santo Antônio).

“O fornecedor ainda oferecia serviço de transporte falho e ineficiente, totalmente contrário aos interesses dos usuários”, afirmou trecho da decisão do Procon-MG.

A empresa alegou que as viagens estava dentro do quantitativo programado e que os atrasos devido ao intenso tráfego da capital. Porém, o Consórcio BH Leste foi multado em R$ 162.500 e precisa depositar o valor na conta do Fundo Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor. A empresa tem o prazo de 10 dias úteis para recorrer, após receber a notificação.

 

Total
0
Shares

Relacionados
Total
0
Compartilhar