O Por Dentro de Minas é um portal de notícias de Belo Horizonte e todo o estado de MG. Últimas notícias, informações em tempo real do trânsito, previsão do tempo, agenda cultural, emprego, colunas, blogs e coberturas especiais.

Vítima identificada deixou gêmeos e perdeu marido também na tragédia de Brumadinho

Marido também foi vítima da tragédia em Brumadinho
Juliana Creizimar de Resende Silva e Dennis Augusto da Silva - Foto: Reprodução
Juliana Creizimar de Resende Silva e Dennis Augusto da Silva – Foto: Reprodução
Por Dentro de Minas - Google News
Índice Hide
  1. Identificação

A mulher vítima do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e que foi identificado pela Polícia Civil nesta quarta-feira (25) deixou dois filhos.

De acordo com a PCMG, a vítima identificada com Juliana Creizimar de Resende Silva, tinha 33 anos de idade. Ela era analista operacional da Vale, morava na cidade de Brumadinho e tinha dois filhos gêmeos, atualmente com três anos. O marido, Dennis Augusto da Silva, que também era funcionário no local foi vítima do rompimento. O corpo foi encontrado em fevereiro de 2019.

O rompimento da barragem de Córrego do Feijão, em Brumadinho, no ano de 2019, deixou ao todo, 270 pessoas mortas. Com a nova identificação, nove dessas pessoas continuam desaparecidas

Juliana Creizimar de Resende Silva - Foto: Reprodução
Juliana Creizimar de Resende Silva – Foto: Reprodução

Identificação

O corpo de Juliana foi localizado pelo Corpo de Bombeiros no final da tarde desta terça-feira (24), na região do Remanso 1, próximo à comunidade Córrego do Feijão.

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), de Belo Horizonte, onde os peritos trabalharam durante a madrugada desta quarta-feira (24) e por meio da arcada dentária ocorreu a identificação.

Total
1
Shares

Relacionados