O Por Dentro de Minas é um portal de notícias de Belo Horizonte e todo o estado de MG. Últimas notícias, informações em tempo real do trânsito, previsão do tempo, agenda cultural, emprego, colunas, blogs e coberturas especiais.
 

publicidade

Foragido por crime federal é preso em operação da polícia

Suspeito é apontado como um dos principais traficantes de Minas Gerais
Foragido por crime federal é preso em operação da polícia - Foto: Divulgação/PCMG
Foragido por crime federal é preso em operação da polícia – Foto: Divulgação/PCMG
Por Dentro de Minas - Google News

Investigações conduzidas pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) sobre uma organização criminosa envolvida com o tráfico interestadual de drogas resultaram na prisão de sete pessoas e na apreensão de mais de 100 quilos de maconha. A ação ocorreu nessa quarta-feira (24/3), no bairro Pongelupe, região do Barreiro, na capital. Entre os presos, está um homem, de 43 anos, residente em Uberlândia, Triângulo Mineiro, que possuía mandado de prisão em aberto por crime federal.

O suspeito é apontado como um dos principais traficantes de Minas Gerais. “Ele é integrante de facção criminosa de outro estado, tem conexões com máfias europeias, tráfico internacional e cartel colombiano. Ele estava foragido, com mandado de prisão da Polícia Federal (PF), já há alguns anos”, pontua o chefe do Departamento Estadual de Combate ao Narcotráfico (Denarc), Júlio Wilke, ao explicar o alto nível de periculosidade do preso. O mandado expedido contra o investigado decorre de uma apreensão da PF, em 2014, de 4 toneladas de cocaína, no Porto de Santos (SP).

Ainda em posição de destaque no grupo, está um homem, de 49 anos, também detido durante a operação. Ele já havia sido preso pelo Denarc em 2006 e é considerado uma liderança do grupo em Belo Horizonte. “Os outros cinco envolvidos (três homens e duas mulheres) são jovens da capital mineira, com idades entre 20 e 30 anos, com poder hierárquico bem abaixo dos outros dois”, explica o subinspetor Gabriel Bacelette.

De acordo com o delegado Windsor Mattos, a droga distribuída pelo grupo vinha do interior de São Paulo, passava por Uberlândia e, enfim, chegava a Belo Horizonte. Ele conta ainda que os dois presos com mais destaque no grupo têm relação direta com uma conhecida facção criminosa, que possui ramificações em todo o país. “Um com muito destaque no interior de São Paulo – agora migrando para o nosso estado – e o outro, já de longa data, vem abastecendo, principalmente, o aglomerado da Pedreira (Pedreira Prado Lopes) com crack e cocaína”, especifica.

Segundo o inspetor Vander Tavares, a polícia mineira monitora constantemente o comércio ilícito de drogas vindas de países vizinhos, com rotas já conhecidas. Vander destaca o trabalho do Denarc no compartilhamento de informações com outros estados, visando ao enfraquecimento do tráfico no país.

Além das sete prisões e da maconha apreendida, a polícia arrecadou dois veículos, duas balanças eletrônicas e outros materiais relacionados com o tráfico. As investigações prosseguem, sobretudo, para levantar o patrimônio dos suspeitos, já que a polícia verificou um alto padrão de vida por parte dos investigados. A operação foi desencadeada pelos policiais do Denarc, após meses de investigação.

Total
90
Comp.
Relacionados