AGORAChuva forte causa estragos e fecha avenidas em Belo Horizonte acompanhe ao vivo
Gerais

Polícia Civil prende suspeito de estupro em Vespasiano

  • Investigado já havia sido condenado a 28 anos de prisão, inclusive por um crime de estupro, ficou preso por cerca de dez anos

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) cumpriu mandado de prisão preventiva contra um homem, de 41 anos, suspeito de abusar sexualmente de uma mulher, de 49, em Vespasiano, Região Metropolitana da capital. O investigado já havia sido condenado a 28 anos de prisão, inclusive por um crime de estupro, ficou preso por cerca de dez anos e atualmente estava com monitoração eletrônica. Ele foi detido novamente na última sexta-feira (12/2), em decorrência da investigação recente.

De acordo com as apurações do novo inquérito policial, a vítima foi abordada pelo suspeito em um ponto de ônibus, no bairro Serra Dourada, por volta das 20 horas, no dia 22 de janeiro deste ano. A delegada Nicole Perim, titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) em Vespasiano, conta que, inicialmente, o homem pediu informações sobre como chegar à determinada localidade, mas simulou estar armado e obrigou a vítima a entrar no veículo dele, sob ameaça de morte.

Ainda segundo Perim, o deslocamento até um local ermo durou 20 minutos, e os abusos ocorreram durante todo o percurso. Quando o homem estacionou o carro atrás de um condomínio, tentou manter relação sexual com a vítima, porém ela estava usando uma cinta e ele não conseguiu tirar a peça. “A vítima relata que estava chorando muito e falou com ele que tinha acabado de passar por uma cirurgia, estava com muitos pontos e sentindo muita dor. O suspeito então ficou nervoso e mandou que ela fosse embora. Ele saiu dirigindo o veículo e levou uma sacola com pertences da mulher”, conta.

Trabalho investigativo

Tão logo o caso chegou à Deam, as investigações começaram. “A equipe de investigadores percorreu com a vítima todo o caminho que o investigado tinha feito, analisou câmeras de segurança e entrevistou possíveis testemunhas. Por meio de uma parceria muito forte com a Polícia Penal, nós conseguimos chegar ao suspeito”, informa a delegada, ao pontuar que o mandado de prisão foi representado pela PCMG na última semana, deferido pela Justiça na sexta-feira (12/2) e cumprido no mesmo dia.

Nicole Perim informa que, na versão apresentada pelo suspeito, ele alega que teria parado para obter informações, mas que a vítima pediu carona até uma igreja. Disse, ainda, que no caminho perguntou se poderia acontecer alguma coisa entre eles e, diante da negativa da vítima, determinou que ela saísse do carro. “O investigado já figura em outras três ocorrências de crime de estupro e ele alega a mesma coisa. E nega ter mantido relação com qualquer uma dessas mulheres”, pontua.

Histórico criminal

De acordo com a delegada, o suspeito já foi condenado a 28 anos de prisão por um crime de estupro, três de roubo e um de falsificação de documentos, além de figurar como autor em outras ocorrências. “Ele foi preso em 2008 e fugiu. Em 2009 foi recapturado e ficou no sistema prisional até 2020, quando foi colocado em liberdade com monitoração eletrônica”, descreve.

Perim acredita que possa haver outras vítimas de abuso sexual por parte do investigado. “Se alguma mulher tiver sido vítima de algum crime semelhante a esse, procure a delegacia para que possamos tomar providências o mais rápido possível”, orienta.

8207 Publicações

Sobre
A Por Dentro de Minas é um portal que traz as principais notícias do Estado de Minas Gerais.
Artigos
Relacionados
Gerais

Ônibus coletivo pega fogo e fecha Anel Rodoviário em Belo Horizonte

Veículo ficou totalmente destruídos pelas chamas
Gerais

Carga viral do novo coronavírus no esgoto de Belo Horizonte segue em patamar elevado

Estudo aponta que carga viral no fim de fevereiro foi cerca de 40% superior à carga observada em julho de 2020, quando o primeiro pico da pandemia do novo coronavírus na capital mineira foi observado
Gerais

"Voltamos à estaca zero", diz Kalil sobre restrição ao comércio em Belo Horizonte

Belo Horizonte volta ao estágio inicial de funcionamento do comércio neste sábado