fbpx
Redes Sociais

Gerais

Prefeito de Sete Lagoas testa positivo para coronavírus

Diagnóstico foi confirmado no sábado; apesar da doença prefeito passa bem

Por Dentro de Minas - Google News (pordentrodeminas - googlenews)

• atualizado em 03/05/2020 às 13:21

Prefeito de Sete Lagoas está com coronavírus - Foto: Divulgação/Prefeitura de Sete Lagoas

Prefeito de Sete Lagoas está com coronavírus – Foto: Divulgação/Prefeitura de Sete Lagoas

O prefeito de Sete Lagoas, Duílio de Castro (Patriotas), está internado no município da Região Central de Minas Gerais após ser diagnosticado positivo com Covid-19 (coronavírus).

De acordo com a prefeitura, o chefe do Executivo está internado no Hospital Libertae, da rede privada, no município da Região Metropolitana de Belo Horizonte, e passa bem. Neste sábado (2) o diagnóstico testou positivo.

Uma contraprova do exame realizada confirmou o contágio pelo novo coronavírus, com isso, o prefeito vai ficar de quarentena por pelo menos 14 dias.

“O prefeito, até então, estava trabalhando sem interrupções, na linha de frente de combate à pandemia, mas tanto ele quanto seus assessores mais próximos estavam cumprindo com as recomendações das autoridades sanitárias de usar máscara, higienizar frequentemente as mãos e manter distância mínima”, diz a nota publicada no portal da prefeitura de Sete Lagoas.

Cidade flexibilizou isolamento

A cidade de Sete Lagoas, na última quarta-feira (29), flexibilizou as regras para o funcionamento do comércio. No Decreto nº 6.256, publicado em 28 de abril, liberou o funcionamento de parte do comércio e também prestações de serviço.

O prefeito Duílio de Castro no dia seguinte, quinta-feira (30), chegou a visitou a Unidade de Pronto Atendimento de Sete Lagoas. Nas redes sociais, também postou a participação em outros eventos com a aglomeração de pessoas.

saiba mais

Gerais

Suspeito de cometer roubo a fazendas próxima a Sete Lagoas é preso em operação

Homem foi preso em Vespasiano pela Polícia Civil

Operação Zabelê II – Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil de Minas Gerais realizou, na última sexta-feira (10), a operação Zabelê II, que resultou na prisão de um suspeito, 29 anos, de cometer roubo a fazendas nas regiões próximas a Sete Lagoas. O homem foi preso em Vespasiano, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

As investigações tiveram início em abril deste ano, após um roubo cometido em uma fazenda no município de Baldim, região Central de Minas, por quatro suspeitos armados e encapuzados. A primeira fase da operação aconteceu no dia 22 de maio, quando três homens, de 24, 27 e 28 anos, foram presos nas cidades de Sete Lagoas e Baldim.

A ação foi realizada pela Delegacia de Polícia Civil em Baldim.

O preso foi encaminhado ao Sistema Prisional.

Continuar lendo

Gerais

Mulher tem parte do couro cabeludo arrancando em acidente com jet-ski em Mariana

Bombeiros informaram que motor sugou o cabelo da jovem para dentro da turbina do jet-ski

• atualizado em 12/07/2020 às 19:09

Foto: Redes Sociais

Um mulher ficou gravemente ferida após ter parte do couro cabeludo arrancando em um acidente envolvendo jet-ski, em Mariana, na Região Central de Minas.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acidente ocorreu por volta das 13h30, em uma lagoa localizada no Distrito Barro Branco.

Ainda segundo os Bombeiros, a vítima feminina de 21 anos prendeu o cabelo na motor do jet-ski durante um passeio. O motor sugou seu cabelo para dentro da turbina. Amigos ajudaram no resgate, após avistarem o acidente próximo da margem e puxaram para fora da água.

A jovem identificada como Mayra Alves Soares foi encaminhada para o Hospital João XXIII, em Belo Horizonte pela equipe do Arcanjo dos Bombeiros.

Continuar lendo

Gerais

Idosa com mal de Alzheimer é encontrada morta após sumir em Araxá

Dona Jandira, de 77 anos, foi vista pelos familiares pela última vez na terça-feira

Jandira Maria Julio, a dona Jandira, de 77 anos, foi vista pela última vez na terça-feira - Foto: Reprodução/Facebook

Jandira Maria Julio, a dona Jandira, de 77 anos, foi vista pela última vez na terça-feira – Foto: Reprodução/Facebook

O corpo da idosa, Jandira Maria Julio, a dona Jandira, de 77 anos, que sofre do mal de Alzheimer que estava desaparecida em Araxá, no Alto Paranaíba, Minas Gerais foi localizada na manhã deste domingo (12).

Familiares de dona Jandira, afirmaram que ela saiu de casa, no Bairro Santo Antônio, usando vestido vermelho e uma blusa de frio cor de rosa, acompanhada do cachorrinho de estimação e, até o momento, apenas o animal retornou. A última vez que ela tinha sido vista foi na terça-feira (7).

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o corpo da idosa foi localizada 3 quilômetros da casa dela, em uma área de capim braquiária, próximo a uma mata. Não há sinais de violência.

A perícia da Polícia Civil foi acionada.

Corpo foi encontrado pelos Bombeiros em um local de mata - Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Corpo foi encontrado pelos Bombeiros em um local de mata – Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Buscas

As buscas por Jandira Maria Julio começaram na quinta-feira após o registro de ocorrência de desaparecimento. O Corpo de Bombeiros fizeram as buscas usando drones, viaturas, equipes a pé e cães.

Continuar lendo