fbpx
Redes Sociais

Notícias

Empresa mineira Central dos Eventos lança primeira plataforma para transmissões ao vivo do Brasil

Por Dentro de Minas - Google News (pordentrodeminas - googlenews)

Serviço pioneiro no mercado brasileiro chega com soluções e diversas possibilidades para artistas, produtores de eventos, congressos, seminários, cursos e workshops, além de ser um guia que vai reunir as lives com apresentações de bandas e cantores de todo o Brasil

A Central dos Eventos, empresa referência no segmento de tecnologia e soluções para a área de eventos, acaba de lançar uma grande novidade para o mercado. Os sócios Júlio Ramos e Philippe Xavier apresentam a plataforma Central dos Eventos Live, um serviço que tem como objetivo contribuir para o setor de eventos em geral, principalmente em tempos em que a aglomeração de pessoas presencialmente não é recomendada.

O sócio Júlio Ramos explica que a plataforma Central dos Eventos Live foi criada para atender variadas necessidades. “Além de reunir as principais lives do Brasil de forma gratuita para o público, podemos transmitir shows musicais, espetáculos de teatro e dança, cursos, congressos, seminários, workshops e quaisquer outras iniciativas que possam ser feitas por meio de lives”, conta. O empresário aponta os principais diferenciais da Central dos Eventos Live, que podem fazer muita diferença para quem está produzindo a transmissão. “Não temos aquelas regrinhas do YouTube, que podem atrapalhar e até derrubar a live. Além disso, existe a possibilidade de o produtor gerar receita, cobrando pelo acesso, ou se quiser, pode deixar liberado mesmo. Isso é excelente e é uma solução para vários segmentos dentro do setor de eventos”, explica.

De acordo com Philippe Xavier, a iniciativa chega em um momento em que artistas, produtores de eventos, organizadores de cursos, palestras, seminários e congressos procuram soluções para sobreviverem em meio a todas as medidas restritivas impostas. “Não é preciso estarmos perto para ficarmos juntos. Podemos nos aglomerar pela web, de forma segura e prática por meio das lives. Ainda que plataforma Central dos Eventos Live seja lançada no meio da pandemia e tenha como intuito ajudar muitos produtores que estão parados nesta crise, o legado vai ficar e o mercado deve mudar e muito após tudo isso. Se hoje a pessoa vai pagar para assistir ao show, curso, ou congresso, que são exclusivamente on-line, após tudo isso, as mesmas iniciativas presenciais realizadas em todo o mundo poderão ser assistidas no conforto das nossas casas”, comenta.

Outro diferencial importante da plataforma Central dos Eventos Live é a personalização, ou seja, é possível inserir a marca da empresa, banda ou qualquer outra iniciativa na página. Para quem vai transmitir, é possível ter acesso aos números de acesso simultâneos e totais, além de ter a segurança de que são dados reais, já que um complexo sistema de segurança foi desenvolvido para impossibilitar a criação de páginas que poderiam piratear a live. A interação com o público é garantida por meio da ferramenta de chat ao vivo. Se a transmissão ao vivo tiver caráter solidário, é possível fazer doações por meio da própria plataforma. “Estamos muito felizes e temos certeza de que a nossa plataforma ajudará muitos profissionais da área de eventos e que será um farol de oportunidades tanto neste período de pandemia, quanto após tudo isso passar”, finaliza Júlio Ramos.


Para conhecer a plataforma, acesse www.centraldoseventoslive.com.br.
Plataforma Central dos Eventos LIVE
www.centraldoseventoslive.com.br
Para mais informações:
(31) 9 8978 4732 (WhatsApp)
[email protected]

[ Jornalista e Editor Geral - Por Dentro de Minas | Portal Terra ] - Graduação: Jornalista (FESBH), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes) e Economista (UNIP). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (Universidade Europeia Miguel de Cervantes/UEMC), Doutorado Prof. em Ciências Sociais e Políticas (USIP) e atualmente cursa Direito (UNIESP-BH). Apaixonado por música, colabora no "CulturalizaBH/Portal UAI" e na "TV Balcão" com a coluna "Crítica Musical" falando sempre sobre álbuns, coberturas de shows e etc. Tem como hobbie comprar CDs e também vinis. É também apaixonado por Sociologia, tanto que de sua graduação em Ciências Sociais: Sociologia, se tornou colunista de Opinião & Comportamento do portal da "RedeTV!" e "Rondônia Digital" e desta coluna, nasceu o "E-book: Sociedade Conectada: a Influência da Internet no Cotidiano". Da Economia, área ao qual foi repórter e sub-editor, se tornou colunista no "Divulga Gerais" após sua graduação em Ciências Econômicas: Economia. É colaborador de Jornais/Portais de Notícias, Diretor do Grupo Conteúdo - Agência de Notícias - Sites e também editora e assina matérias em alguns jornais de Minas Gerais e do Brasil. A escrita é sua maior base e paixão no Jornalismo. [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

Publicidade
Comentar

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Gerais

Polícia desarticula laboratório e apreende 680 quilos de drogas em Vespasiano

Homem foi preso em flagrante no local

• atualizado em 09/07/2020 às 21:07

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) desarticulou um laboratório de drogas no bairro Gávia II, em Vespasiano, Região Metropolitana de Belo Horizonte. A ação foi deflagrada na noite dessa quarta-feira (8). Um suspeito, de 35 anos, foi preso em flagrante no local. Também foram apreendidos 680 quilos de entorpecentes e diversos materiais relacionados com o tráfico.

A investigação teve início após uma denúncia anônima encaminhada à Delegacia Especializada em Investigação e Repressão ao Furto, Roubo e Desvio de Carga, ligada ao Departamento Estadual de Investigação de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri). Conforme informado, pessoas ligadas ao crime em Vespasiano estariam realizando roubos de cargas e, com o dinheiro apurado, investindo no tráfico de drogas.

Com os levantamentos, a equipe responsável conseguiu identificar um dos suspeitos e localizar a residência onde a droga seria prensada e guardada para posterior distribuição. No interior do imóvel, os policiais civis localizaram 630 quilos de maconha e 50 quilos de cocaína, além de uma prensa, uma balança de precisão e outros materiais relacionados ao refino e embalagem da droga.

O homem que estava no local foi preso e, segundo os policiais, trata-se de um indivíduo de alta periculosidade – envolvimento com organizações criminosas de roubo a bancos, possuir grande número de registros policiais, bem como processos judiciais em andamento.

De acordo com o Delegado César Matoso, um segundo suspeito já foi identificado e está na condição de foragido. “Contra ele consta um mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas”, pontua. As investigações prosseguem a fim de identificar, localizar e prender os demais envolvidos.

Continuar lendo

Gerais

Polícia prende suspeitos de envolvimento em homicídio de pré-adolescente em Nova Lima

Investigação apontou que a pré-adolescente vinha passando por problemas emocionais e foi levada por parentes para a casa do casal

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou uma operação, que terminou com o cumprimento de dois mandados de prisão temporária e de mandados de busca e apreensão contra um casal suspeito de matar uma pré-adolescente de 12 anos, após suposto ritual de cura de problema emocional. O homem preso tem 58 anos e sua mulher 57 anos. O crime ocorreu no dia 1º de agosto de 2019, no bairro Jardim Canadá, em Nova Lima.

Segundo o Delegado Regional de Nova Lima, Thiago Rocha Ferreira, a investigação apontou que a pré-adolescente vinha passando por problemas emocionais e foi levada por parentes para a casa do casal. “Em uma tentativa da mãe e da irmã da pré-adolescente, de trazer a ela a cura de sintomas emocionais que a vítima estava manifestando, como perda de peso e desânimo, em razão da perda recente da avó, ela foi levada até a residência desse casal com a promessa que teria essa cura sobrenatural”, contou o Delegado.

De acordo com o apurado, a vítima teria ingerido grande quantidade de álcool. “No local a vítima se submete a um ritual realizado por esse casal, na presença da mãe e da irmã, com a aspersão de pipoca, canjica, mel e chá de boldo, isso comprovado nos autos como prova subjetiva. E a prova objetiva indica que a pré-adolescente ingeriu elevada quantidade de álcool horas antes do falecimento. O que tudo indica é que, durante esse ritual, foi ministrado a ela elevada dose de bebida alcoólica”, revelou Thiago.

Com o cumprimento dos mandados de busca e apreensão, foram coletados mais elementos como prova, que permitirão a conclusão integral do inquérito policial.

Continuar lendo

Gerais

Polícia Civil prende em Januária suspeito de dois homicídios tentados

Os fatos teriam sido motivados por desavenças pessoais

Polícia Civil prende em Januária suspeito de dois homicídios tentados - Foto: Divulgação/PCMG

Polícia Civil prende em Januária suspeito de dois homicídios tentados – Foto: Divulgação/PCMG

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) cumpriu, nessa terça-feira (7), mandado de prisão preventiva em desfavor de um homem, de 35 anos, suspeito de envolvimento em dois homicídios tentados, em Januária, no Norte de Minas. Os fatos teriam sido motivados por desavenças pessoais, no primeiro caso, e por ciúmes de uma mulher, na segunda ocorrência.

O caso mais recente aconteceu em março deste ano. Na ocasião, a vítima, de 28 anos, estava com a esposa e o sogro por uma rua do bairro Moradeiras, quando foi surpreendida pelo investigado. O rapaz foi atingido com um disparo de arma de fogo na região do tórax, e socorrido ao hospital.

Já no registro anterior, em junho de 2019, no mesmo bairro, o suspeito teria chegado ao bar em que a vítima, de 46 anos, estava e atirou contra ela. Frequentadores do estabelecimento interferiram e conseguiram desarmar o investigado. Em seguida, ele fugiu do local.

Conforme levantado, o investigado já possui registros policiais por outros crimes e, atualmente, estaria no comando do tráfico de drogas em um ponto da cidade. Durante as buscas realizadas em dois imóveis do suspeito, foram apreendidos vários aparelhos celulares e mais de R$ 200 em espécie.

Para o cumprimento das medidas judiciais, a equipe responsável pela investigação de crimes contra a vida contou com o apoio operacional de policiais civis que apuram crimes contra o patrimônio e da Agência de Inteligência de Delegacia Regional em Januária.

O suspeito foi encaminhado ao Presídio Local e encontra-se à disposição da Justiça.

Continuar lendo