Redes Sociais

Notícias

Ciclo de Palestras para Pais 2018

• atualizado em 10/05/2018 às 11:17

Com base na medicina ampliada pela antroposofia, os encontros são mensais e buscam a compreensão do ser humano como caminho para a educação (e auto-educação). Além das necessidades das crianças e jovens em cada fase da vida

[dropcap size=big]A[/dropcap] manutenção da boa saúde exige uma série de cuidados e ações preventivas. Para conquistar essa condição, o homem precisa ter harmonia na mente, corpo e emoções. E uma modalidade médica pouco conhecida contribui para esse feito, a medicina ampliada pela Antroposofia. “O objetivo é levar a compreensão do ser humano como um ser em transformação e suas necessidades em cada fase de vida. Além de auxiliar pais e educadores a compreenderem as demandas de cada faixa etária em um momento que há um aumento nos casos de depressão, automutilação, tentativas frustradas ou autoextermínio em idades cada vez mais jovens”, explicou a clínica geral Danielli Ferraz, com formação em medicina ampliada pela Antroposofia.

A especialidade surgiu na Europa central, por volta de 1920, a partir da iniciativa da médica Ita Wegman, tendo como base os conhecimentos da Antroposofia, desenvolvida pelo filósofo Rudolf Steiner. “Antropos = homem; Sophia = sabedoria”, explicou a médica. Segundo ela, esta é uma maneira de cuidar do ser humano entendendo-o como um ser em desenvolvimento físico-anímico e espiritual, que interage com mundo ao ser redor, modificando-o e sendo modificado por ele.

A médica também esclarece que a medicina ampliada pela Antroposofia pode ser aplicada conjuntamente a qualquer especialidade médica, uma vez que busca enxergar o ser humano e seus processos por trás de cada doença, como a sua história de vida, traumas, humor, modo de reagir às situações da vida, entre outros. “O uso da antroposofia é indicado em qualquer faixa etária e condição de doença física ou emocional, e até mesmo para pessoas que queiram manter-se saudáveis. O resultado é que o ser humano tratado encontre seu equilíbrio em seu âmbito físico, emocional e mental”, ressaltou.

Ciclo de palestras

Pensando nisso, a especialista elaborou um ciclo de palestras para atender à demanda atual de pais que buscam orientação na educação de seus filhos. Confira as datas e os temas abordados nas palestras:

• 28/05: A educação sobre 4 pontos de vista;

• 20/06: Os primeiros sete anos de vida – O mundo é bom?

• 25/07: A ordem de nascimento dos filhos – Existe diferença em ser primeiro, segundo, terceiro ou demais filho?

• 22/08: Dos sete aos quatorze anos de vida – O mundo é belo?

• 19/09: Os temperamentos – A pessoa terra, água, ar e fogo;

• 24/10: Ritmo, sono, limite e tecnologias: como interferem na saúde da criança?

• 12/11: Os doze sentidos – Qual a relação do número 12 com a criança, com o ser humano?

• 05/12: O jovem de 14 a 21 anos – O mundo verdadeiro?

Serviço:

As palestras começam em Maio e terminam em dezembro, sempre uma vez por mês, durante a semana em horário noturno, com duração de 90 minutos acrescidos de 15 minutos finais reservados à perguntas. O local é na Rua Montes Claros, 1429 – Sion. Informações e inscrições pelo: (31) 98554-2129 (whatsapp).

Fonte: Danielli Ferraz, clínica médica com formação ampliada pela antroposofia e especialista em cardiologia (@dra.danielliferraz).

Assessoria de Imprensa

Déborah Ribeiro - Assessora de Comunicação e Imprensa
Letra Comunicação e Marketing
www.letracomunicacao.com
[email protected]
(31) 3236-1477 ou 98429-7565

Continua lendo
Publicidade
Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

176 vítimas do rompimento da barragem da Vale são identificadas

Governo de Minas Gerais diz que 134 pessoas estão desaparecidas

Corpo de Bombeiros de Minas Gerais localizou 176 corpos de vítimas do rompimento da narragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, região metropolitana de Minas Gerais. Todos os corpos foram indentificados pelo Instituto Médico Legal (IML).

Segundo informações do governo de Minas Gerais, 134 pessoas estão desaparecidas, sendo 31 funcionários da mineradora Vale e 103 trabalhadores terceirizados e moradores da região.

Desde ontem (20), uma equipe do Corpo de Bombeiros está fazendo buscas na área onde funcionava o almoxarifado da Vale. No local foi encontrado um corpo, removido para o IML para identificação.

A tragédia causada pelo rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, a 57 quilômetros de Belo Horizonte, completa hoje (4) 11 dias de buscas.

O almoxarifado foi identificado pelo cruzamento de dados, de localizações georreferenciadas e de indicações do terreno. As buscas na área do almoxarifado se desenvolveram durante esta quinta-feira e continuarão amanhã (22), segundo o Corpo de Bombeiros.

O Corpo de Bombeiros trabalha em sete frentes de buscas na área da barragem que se rompeu no último dia 25 de janeiro. Nesta fase de escavações, o trabalho é mais difícil porque a lama está muito profunda. A corporação mineira atua com apoio de militares de outros estados.

Continua lendo

Últimas Notícias

Polícia prende suspeito de matar ex-namorada em Betim

Ex-namorado é suspeito de matar vítima com vários golpes de martelo na cabeça

A Polícia Civil de Minas Gerais realizou o cumprimento do mandado de prisão preventiva em desfavor de Matheus Vítor Vilela, 22 anos, na última sexta-feira, 15 de fevereiro.

Matheus é suspeito de, no dia 1º de fevereiro, ter assassinado a ex-namorada Akiria Carla Ferreira da Silva, 20 anos, com vários golpes de martelo na cabeça. Na data do crime, o suspeito que insistia em reatar o relacionamento com a vítima, a procurou e a agrediu com diversos golpes fatais.

A vítima foi encontrada na casa dela, no bairro Granja São João, em Betim, gravemente ferida. Ela não resistiu aos ferimentos e morreu em seguida.

Iniciadas as investigações pela Polícia Civil, o suspeito pelo feminicídio foi identificado, mas, após cometer o bárbaro delito, fugiu para Belo Horizonte, onde ficou escondido até a data da prisão.

Logo após o assassinato, Matheus também subtraiu o aparelho celular da vítima, ocasião em que passou a utilizar rede social dela (Facebook), para ameaçar parentes e amigos de Akíria.

O envolvido, já era investigado pela PCMG pela prática de dez crimes de roubo, contra motoristas do aplicativo ¿’ber”, na cidade de Betim.

Continua lendo

Últimas Notícias

Polícia Civil atua em sequestro de gerente de banco e prende suspeito

A vítima foi feita refém do grupo quando chegava em casa, em Belo Horizonte

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), em mais uma ação de pronta resposta, prendeu, nesta quarta-feira (20), Rafael Silveira de Almeida, de 38 anos. Ele é um dos suspeitos de sequestrar um gerente de banco ontem à noite no bairro Guarani, em Belo Horizonte.

Segundo o Delegado Ramon Sandoli, o crime, iniciado ontem (19), é de extorsão mediante sequestro na modalidade “sapatinho” pela sequestração do gerente do banco. A vítima, que tem 29 anos, foi feita refém do grupo quando chegava em casa, em Belo Horizonte. Depois os suspeitos foram até a casa dos pais do gerente, em Betim e da namorada dele, de 21 anos, onde fizeram os reféns juntamente com um amigo, de 20. Mantiveram os quatro no cativeiro, em Ribeirão das Neves, retornando com o gerente para a agência bancária, onde a vítima, com o artefato de simulacro amarrado em seu corpo, tinha a missão de abrir o cofre e retirar o dinheiro para repassá-lo os criminosos.

“A PCMG foi acionada e, por volta das 13h de hoje (20), conseguiu localizar o cativeiro, em Ribeirão das Neves, onde foi feito a liberação dos quatro reféns sem nenhum ferimento e a prisão de um dos suspeitos que estava no cativeiro com uma arma de fogo calibre 22, utilizada, provavelmente para intimidar os reféns”, garantiu o Delegado. O preso, que já tem passagens por roubo, furto e lesão corporal, saiu da prisão em dezembro de 2018.

Para o Delegado Sandoli, a forma de deslocamento dos integrantes da quadrilha é indicativo de que eles conheciam a região, levantando a suspeita de que os autores sejam da região metropolitana de Belo Horizonte, sendo que as investigações prosseguem para identificar e prender os outros envolvidos.

Continua lendo