Ecoturismo: Fernando de Noronha é opção para uma imersão completa com a natureza


O ecoturismo ou turismo ecológico é a modalidade que garante ao turista uma imersão com a natureza. Um dos destinos mais procurado no Brasil e que atrai turistas do mundo todo é o Arquipélago de Fernando de Noronha. A Ilha é um bom custo-benefício para aqueles que buscam uma rota com muitas belezas naturais e várias alternativas de passeios em um só lugar.

A explicação pela alta procura de vivências com o meio ambiente está na covid-19. No momento mais crítico da pandemia, a quarentena obrigou todos a permanecer em casa, muitas vezes longe da natureza. Neste pós-pandemia, a reconexão com o verde entrou em pauta para aqueles que buscam viajar. Segundo o Ministério do Turismo, cerca de 16,7 milhões de pessoas passaram pelas áreas de preservação ambiental, administradas pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Esse número é o maior desde 2017.

No arquipélago, além das praias, que são as mais famosas, o mergulho com snorkel, os passeios de barco, canoa havaiana, surf , passeios de buggy e trilhas também são opções de apreciar, conhecer e explorar cada pedacinho do arquipélago. O turista tem a sua disposição várias possibilidades de trilhas que duram cerca de 30 minutos ou quase o dia inteiro, o que não falta são alternativas de conexão com o meio ambiente.

“As trilhas de Noronha são uma ótima alternativa de ecoturismo, o arquipélago dispõe de vários passeios terrestres. Optar por uma trilha, garante ao turista uma imersão completa em Noronha e com a natureza. São quilômetros de paisagens deslumbrantes. A depender da trilha, o turista conhecerá várias praias em um único passeio e sempre será premiado por um incrível pôr do Sol”, pontua, Adriana Flor, presidente da Associação de Pousadas de Fernando de Noronha (APFN).

Fabiana de Sanctis, da Dolphin, afirma que escolher fazer trilhas em Noronha é a forma mais rápida e eficiente de se conectar com a natureza e faz questão de fazer suas recomendações. “Eu mesma tenho indicação de duas trilhas que são uma conexão completa a Noronha. A trilha dos Abreus é uma trilha de dificuldade de nível médio, mas ao final do passeio o visitante é premiado por belas piscinas naturais. E indico também o Morro São José, que fica em uma ilha próxima do arquipélago. O visitante consegue chegar nadando, porém é preciso buscar informações, a depender da tábua de maré infelizmente não será possível conhecer esse lugar incrível, rico em biodiversidade e belezas naturais”, finaliza.

Já para Paulo Ferreira, da Anema, as belezas naturais de Noronha são de tirar o fôlego. “Fazer ecoturismo em Noronha é exuberante, deixa todos que chegam sem fôlego e sua preservação salta aos olhos. São inúmeros os passeios que se pode fazer em Noronha para aproveitá-la da melhor forma possível. Existem as trilhas no Parque Nacional com sua natureza incrível, que podem ser agendadas assim que se chega na ilha. A canoa havaiana, o passeio de barco com direito a parada na praia do Sancho, e o ilha tour, passeio de dia inteiro em diversas praias da ilha e pontos turísticos, que dá uma visão geral da ilha em apenas um dia. Para quem quer ousar um pouco mais há também o rapel no morro do piquinho, com uma descida de 50m”, conclui.

Aos visitantes que optarem por aproveitar o arquipélago fazendo trilhas é importante buscar informações previamente. Alguns desses passeios precisam de autorizações do ICMBio e Ibama. Além disso, existem trilhas que se faz necessário estar acompanhado de um guia e muitas têm limitação de público. Para mais informações basta acessar www.apfn.com.br ou visitar o Instagram da associação (@apfn).

Total
0
Shares

Relacionados