Bares e restaurantes de BH abrem as portas para a Copa do Mundo – Por Dentro de Minas

Bares e restaurantes de BH abrem as portas para a Copa do Mundo

Estabelecimentos se preparam para transmitir jogos do Mundial e aumentar lucro com cardápios e bebidas especiais

 

Choperia Almanaque do bairro Anchieta deve ganhar decoração especial para o Mundial – Foto: Divulgação

Quem nunca se reuniu com amigos em bares e restaurantes para assistir a uma partida de futebol? Com a aproximação da Copa do Mundo da Rússia, a tendência é que o movimento aumente nesses estabelecimentos, principalmente durante os jogos da seleção brasileira.

Apesar da crise econômica, os impactos gerados pelo Mundial de 2014 no Brasil deixam os donos de bares e restaurantes esperançosos para o torneio. De acordo com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), o setor cresceu em média 70% com os jogos da seleção.

“A Copa é vista como uma grande oportunidade para as empresas de alimentação”, diz a analista do Sebrae Minas Simone Lopes. “Estabelecimentos que transmitem jogos se transformam em pontos de encontro. Então, basta que o proprietário divulgue programações especiais no período que conseguirá atrair muitas pessoas”.

Segundo a analista, os empresários do setor podem investir, por exemplo, em comidas típicas de diversos países representados na Copa, para cativar tanto os brasileiros quanto os torcedores de seleções estrangeiras. “Oferecer essa experiência ao cliente é muito interessante para atraí-lo novamente”, sugere Simone.

O fuso horário da Rússia fará com que os jogos desta Copa sejam transmitidos em horários atípicos para o torcedor brasileiro: 7h, 9h, 10h, 11h, 12h e 15h. Na fase de grupos, o Brasil disputará duas partidas às 15h, e uma às 9h. Pensando nisso, alguns bares e restaurantes devem fazer uma exceção e abrir as portas mais cedo, principalmente em jogos da seleção canarinho. É o caso do Pulero, bar com temática voltada ao Atlético-MG.

Localizado no bairro Prado, Zona Oeste de Belo Horizonte, o estabelecimento começa a funcionar, durante a semana, a partir das 11h e vai até às 14h para servir almoço. Depois reabre às 17h e encerra o expediente à meia-noite. Nos dias de jogos da seleção brasileira na Copa, o espaço abrirá as portas 30 minutos antes de a bola rolar, fará promoções, terá decoração e cardápio especial, além da tradicional música ao vivo.

Téssia Pessoa, assessora de comunicação do Pulero, ressalta o ambiente acolhedor do bar. “Nosso objetivo é ir além e ser também um bar cultural. Nunca tivemos brigas no local, que é bem receptível a qualquer torcedor”, diz. “Se o Brasil chegar à final estudaremos a possibilidade de realização de um evento fechado com camiseta, caneca, música ao vivo e open chopp durante a partida”, acrescenta.

Àqueles que pretendem acompanhar os jogos Brasil em um lugar mais calmo, o Choperia Almanaque surge como uma boa pedida. O bar, que contém três filiais em Belo Horizonte – Anchieta, Minas Shopping e Shopping Cidade –, conta com dez televisões e dois telões para clientes e torcedores se sentirem bem acomodados durante os jogos.

O gerente operacional da Choperia Almanaque no bairro Anchieta, José Celivan, aguarda ansioso pelas partidas da seleção brasileira às 15h (contra Suíça, na estreia, e Sérvia, na última rodada da fase de grupos). “Estamos com uma expectativa muito boa. Apesar do fuso horário, eu acho que os jogos depois do meio-dia são os melhores. Vai agregar bastante”, afirma.

Celivan adianta que o bar deve fazer drinques especiais e colocar cortinas nas janelas do estabelecimento visando o maior conforto dos torcedores. “É um ambiente muito bom e queremos melhorá-lo”, conclui.

comentários