Minas é derrotado novamente e dá adeus ao NBB

Em partida emocionante, time rubro-negro venceu o Minas na prorrogação e fechou série quartas de final em 3 a 0.

 

Marquinhos foi decisivo na prorrogação e liderou vitória do Flamengo – Foto: Staff Images/Flamengo

A classificação do Flamengo às semifinais do NBB CAIXA veio nesta quinta-feira (19/04) com uma dose extra de emoção. Depois de ver o Minas ficar o jogo todo em vantagem, o time rubro-negro conseguiu levar o jogo para a prorrogação e venceu, por 97 a 92, para fechar a série quartas de final em 3 a 0.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, INFRAERO, Avianca, Nike, Penalty e Wewi e os apoios do Açúcar Guarani e do Ministério do Esporte.

Restando dois minutos para o fim do último quarto, o Minas vencia por nove pontos (83 a 74). Mas o Flamengo não se entregou e reagiu de forma impressionante. Com bolas de 3 de Marquinhos e Pecos, a equipe rapidamente cortou a diferença. Depois, com dois lances livres do camisa 11, empatou o jogo em 83 a 83 e a decisão foi para o tempo extra.

Na prorrogação, a estrela de Marquinhos brilhou. Com 12 dos 14 pontos da equipe nos cinco minutos de desempate, o jogador foi para lá de decisivo para o Flamengo ficar o tempo todo na frente e garantir a vitória e a classificação. Ao todo, o camisa 11 somou 21 pontos, cinco rebotes e cinco assistências.

“Foi um jogo muito doido. Ficamos o jogo inteiro perdendo, mas conseguimos ali no finalzinho dar um sprint, encaixar boas defesas e levamos o jogo para a prorrogação. Isso é Flamengo. Não desistimos em nenhum momento e conseguimos essa vitória para fechar a série”, disse Marquinhos.

Outro personagem fundamental para o triunfo rubro-negro foi Arthur Pecos. Sem errar nenhum arremesso, o armador marcou 12 de seus 16 pontos durante o último quarto e teve grande papel na reação carioca, não só pelos pontos marcados, mas também pela energia na defesa.

“Estou muito muito feliz. Nossa equipe trabalha muito e é uma verdadeira família. E no momento de dificuldade, uma família fica junto e foi isso o que aconteceu hoje. Conquistamos uma grande vitória e vamos nessa pra próxima fase. Temos que comemorar hoje, mas depois temos que já pensar na semifinal”, afirmou Pecos.

Esta é a nona vez que o Flamengo chega às semifinais do NBB CAIXA. A única vez em que a equipe não ficou entre os quatro melhores foi justamente na temporada passada, quando acabou eliminada pelo Pinheiros nas quartas de final. O rival dos rubro-negros na semifinal sairá do confronto entre Mogi das Cruzes/Helbor e Banrisul/Caxias. Os mogianos lideram a série por 2 a 0 e o Jogo 3 acontece nesta sexta-feira, às 21 horas, com transmissão ao vivo via Twitter.

Bauru vence no Pedrocão e abre 2 a 0

O Sendi/Bauru Basket abriu 2 a 0 de frente contra o Sesi Franca Basquete em um das quartas de final do NBB CAIXA 2017/2018. Com grande atuação, os atuais campeões dominaram o jogo realizado nesta quinta-feira e venceram de maneira imponente, em pleno Ginásio Pedrocão, em Franca, por 83 a 77.

O Jogo 3 da série acontece neste sábado, às 14 horas, novamente no Pedrocão, com transmissão ao vivo. Caso vença, Bauru fechará a série e chegará às semifinais. Já o Franca precisa vencer para se manter vivo e forçar a realização do Jogo 4.

Um dos grandes trunfos da vitória bauruense foi o alto aproveitamento nas bolas de 3. Nos três primeiros quartos, a equipe teve 12 arremessos convertidos em 24 tentativas (50%). No último período, o desempenho caiu (1/5) e a equipe fechou o jogo com 46,4% de aproveitamento (13/29).

“Foi uma vitória de um time grande. A gente cresceu muito nos playoffs e o jeito que passamos do Vasco fortaleceu demais a equipe. Estamos superando várias adversidades, com alguns jogadores fora por lesão, e isso mostra nosso poder de superação. Playoffs é assim e sabemos que não tem nada ganho. Sábado vai ser ainda mais difícil”, disse Duda Machado, que teve 4/7 nas bolas de 3.

Do outro lado da quadra, Bauru impôs muitas dificuldades ao ataque francano. Com uma zona 3-2 armada pelo técnico Demétrius, a defesa bauruense não deu espaços ao ataque francano, que fez apenas 50 pontos nos três primeiros quartos.

Com 16 pontos, o garoto Gabriel Jaú foi o cestinha do Dragão, seguido por Duda Machado, que deixou a quadra com 14 pontos e oito assistências. Já Hettsheimeir marcou 13 – mesma quantidade de Matulionis – e ainda completou seu duplo-duplo com 12 rebotes.

“Nossa defesa foi o mais importante hoje. Tivemos algumas perdas que dificultaram nossa rotação, mas estamos ainda mais motivados e queremos mostrar o melhor da nossa equipe”, disse o cestinha Jaú.

“Cada jogo é uma tática diferente. No primeiro jogo a defesa também foi muito importante e para hoje o Demétrius fez alguns ajustes que dificultaram a vida deles. Fomos constantes na defesa o tempo todo e agora é ver o que o Demétrius vai preparar para o próximo jogo”, completou o garoto de 19 anos.

Confira o calendário completo das quartas de final:

– Flamengo (1º) 3 x 0 Minas Tênis Clube (9º)
Jogo 1 – Minas 70 x 84 Flamengo
Jogo 2 – Flamengo 101 x 74 Minas
Jogo 3 – Flamengo 97 x 92 Minas

 

comentários